notícias atuais sobre saúde, violência,justiça,cidadania,educação, cultura,direitos humanos,ecologia, variedades,comportamento
13.7.09

A partir de agosto, 4,4 mil escolas públicas de ensino fundamental e 165 de ensino médio terão educação integral, pelo “Mais Educação”
O programa “Mais Educação”, de educação integral, tem novidades este ano. Escolas de ensino médio poderão ampliar tempo, espaço e oportunidade educacional para alunos. Ioga e natação são opções de esporte; e percussão é atividade de música que a escola pode escolher. Essas são algumas das mudanças no programa, apresentado ontem (08), em Brasília, aos secretários de Educação que participam da 9ª reunião do Grupo de Trabalho das Capitais e Grandes Cidades. A partir de agosto, 4,4 mil escolas públicas de ensino fundamental e 165 de ensino médio terão educação integral, pelo “Mais Educação”. Essas escolas receberão recursos para atividades de esporte, cultura e lazer, no contraturno das aulas. “O ‘Mais Educação’ traz uma mudança no conceito de educação escolar, pois considera a integração entre escola, família e comunidade como fator de sucesso na aprendizagem; e a cidade toda, como território educativo”, avaliou Jaqueline Moll, diretora de Educação Integral, Direitos Humanos e Cidadania da Secretaria de Educação Continuada, Alfabetização e Diversidade (Secad). O programa funciona com a parceria entre os Governos Federal, estaduais e municipais, além de diversos setores da sociedade civil, como empresas, associação de moradores e movimentos sociais. O Ministério da Educação (MEC) financia a compra de materiais, o custeio das atividades e o pagamento de monitores. Segundo Jaqueline, as escolas têm evidenciado preferência por atividades de cultura e arte; sendo que nesse ano, 1,6 mil escolas optaram por teatro. Na nova área de educomunicação, alunos de 1,5 mil escolas têm a oportunidade de elaborar jornais escolares. Entre os esportes, em 2008 os mais escolhidos foram judô e xadrez. As escolas de ensino fundamental atendidas pelo programa “Mais Educação” se situam em 129 municípios brasileiros com mais de 100 mil habitantes, incluindo todas as capitais. No conjunto dessas escolas, estão as que registraram Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) de até 3,5 pontos em 2007; os municípios atendidos pelo Programa Nacional de Segurança com Cidadania (Pronasci/Ministério da Justiça); e cidades com mais de 50 mil habitantes próximas das regiões metropolitanas. Já as escolas de ensino médio a serem atendidas encontram-se nos dez estados com o menor Ideb neste nível de ensino.


[Correio do Povo (RS) – 09/07/2009]

Fonte: ANDI Boletim Infância na Mídia
link do postPor anjoseguerreiros, às 07:37 

De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

pesquisar
 
colaboradores: carmen e maria celia

Julho 2009
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4

5
6
7
8
9


21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


arquivos
subscrever feeds
blogs SAPO