notícias atuais sobre saúde, violência,justiça,cidadania,educação, cultura,direitos humanos,ecologia, variedades,comportamento
9.6.09

*Marilena Flores Martins

Todo mundo precisa brincar, faz parte do crescimento. Crianças necessitam de diferentes oportunidades de brincar. Brincar faz com que as crianças mudem cada estágio do seu desenvolvimento naturalmente, permitindo-lhes fazer amigos, resolver dificuldades, seguir seus instintos, pensar e aprender com os outros. Brincar, ao lado da satisfação das necessidades básicas de: nutrição, saúde, habitação e educação, é uma atividade fundamental para o desenvolvimento das capacidades potenciais de todas as crianças.
Pais e mães preocupam-se com o futuro dos seus filhos, principalmente em questões como o sucesso profissional, o desenvolvimento saudável e as habilidades sociais, como base para a felicidade. O importante é saber que brincar faz seus filhos mais felizes e que a criança que brinca fica mais esperta, aprende com mais facilidade e se torna um adulto mais realizado. As brincadeiras ajudam a criança a relacionar-se melhor com os outros, desenvolvem a sua criatividade, fazendo-as mais tranqüilas e inteligentes.
Ao atender as crianças em suas necessidades estaremos tornando-as resilientes. A resiliência é a capacidade de se recuperar e se superar psicologicamente e de ter um bom desempenho socialmente aceitável, apesar de alguma forma de tensão ou adversidade, provenientes de circunstâncias externas negativas. Os pilares da resiliência são: o Afeto, a Aceitação Incondicional, a Descoberta do Significado, as Habilidades Sociais, o Humor e a Auto-Estima.
Toda criança precisa de, pelo menos, um adulto que a aceite, incondicionalmente. Quando as crianças e os adultos estão brincando juntos demonstram o seu afeto e expressam a aceitação incondicional: não há outro motivo para desfrutar, a não ser a presença de um pelo outro, sendo um, parte da vida do outro e pertencendo um ao outro.
Um ambiente afetuoso e a aceitação incondicional desenvolvem a auto-estima, que é o sentimento de estar bem consigo mesmo. Enquanto brincam, as crianças recebem continuamente informações sobre quem elas são; avaliam umas às outras e a si próprias. Portanto elas estão desenvolvendo a auto-estima.
As crianças precisam ter experiências em que elas possam descobrir o significado de suas vidas, o significado de viver neste mundo, o significado das relações interpessoais. Brincar é o estímulo que ajuda a criança a construir o seu projeto de vida.
As habilidades sociais como: conviver em grupo, capacidade de negociação, tolerância às diferenças são aquelas que tornam possível a nossa vida em sociedade, contribuindo para o nosso desempenho pessoal e profissional. Brincando, as crianças desenvolvem essas habilidades naturalmente.
O humor é a capacidade que temos de rir dos nossos próprios erros e nos ajuda a ir em frente, levando a vida como se ela fosse uma brincadeira. Além disso contribui para o equilibrio emocional das pessoas e para o desenvolvimento da Paz.
Visão IPA Brasil*
As crianças sempre brincaram ao longo da história e em todas as culturas porque:
• Brincar é comunicação e expressão, associando pensamento e ação criadora.
• Brincar é um ato instintivo voluntário e espontâneo.
• Brincar é uma atividade natural e exploratória e ajuda as crianças no seu desenvolvimento físico, mental, emocional e social.
• Brincar é o testemunho vivo do imaginário e da cultura da criança.
• Brincar é uma meio de aprender a viver e não um mero passatempo.
• Brincar é um instrumento pelo qual os seres humanos e os animais exploram
uma variedade de experiências em diferentes situações, para diversos propósitos.

Brincar é para toda a vida!

* Marilena Flores Martins é presidente da IPA Brasil – Associação Brasileira pelo Direito de Brincar, organização sem fins lucrativos que existe desde 1997 com a missão de lutar pela defesa dos direitos das crianças e jovens, notadamente o direito de brincar explicitado no artigo 31 da Convenção do Direitos da Criança - ONU.

Fonte: Pró-Menino
link do postPor anjoseguerreiros, às 07:33 

De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

pesquisar
 
colaboradores: carmen e maria celia

Junho 2009
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5
6

7
8
9





arquivos
subscrever feeds
blogs SAPO