notícias atuais sobre saúde, violência,justiça,cidadania,educação, cultura,direitos humanos,ecologia, variedades,comportamento
7.1.09
HAJA HC!!!!!!!!!!!

STF
HC 9652406/01/2009 Juntada Pet. nº 675/2009. 06/01/2009 Conclusos ao(à) Relator(a) Com 10 volumes Guia ......Origem...Destino........ Data de Remessa.. Data de Recebimento 20/2009.SPOS ....GM BARBOSA.. 06/01/2009........... 06/01/2009

Os advogados do casal nardoni, presos por suspeita de terem jogado a menina Isabella do 6° andar do edifíco London, em março de 2008, não se cansam de entrar com pedidos de habeas corpus para libertar o casal. Foram 19 negativas e ainda assim eles continuam tentando. Não haveria nada demais, afinal estão fazendo o seu trabalho, se não fosse o fato de usarem todas as armas para conseguir a liberdade dos clientes, até mesmo MENTIRAS!
Até hoje, o casal não confessou o crime, mas são inúmeros os indícios de sua culpa. Depois de presos, tiveram algumas oportunidades para mostrar sua inocência, mas só o que fizeram foram lançar mais mentiras e mentiras acerca do caso. Para isso tiveram a colaboração da revista "Isto É" , importante meio de comunicação, que não se comportou como o esperado, mostrando os dois lados da questão, mas sim, publicou várias reportagens do sr. Antonio Carlos Prado, que se diz jornalista, apresentando fatos inverídicos, fazendo dos Nardoni, inocentes injustiçados, o que todos sabemos que não são.
Injustiçada será a família de Ana carolina de Oliveira, que terá que enfrentar para sempre a dor maior de não ver sua filhinha crescendo e guardar na lembrança os momentos terríveis, que antecederam a morte horrível que lhe foi imposta.
http://www.mundorecord.com.br/canais/variedades/hoje-em-dia
Enfrentar tantas mentiras deve ser díficil demais, mas, apesar do caso ter sido esquecido pela mídia, nós continuaremos atentos para qualquer movimento da parte desta defesa inescrupulosa de Alexandre e Ana Carolina Jatobá.
O Tribunal de Justiça informou também que Prado faz parte da equipe da Dr. Gama, a ex-perita que se expôs em seu depoimento a uma das maiores farsas já vistas , perante um tribunal. A defesa acabou levando mais uma advertência por ter lançado publicamente a dúvida acerca da coleta de sangue do casal.
TJ PRIMEIRA INSTANCIA001.08.002241-4/00 - INSTRUÇAO CRIMINAL15/12/2008Quando do oferecimento de suas razões em recurso de Apelação interposto pelos I. Drs. Defensores dos réus contra decisão proferida por este Juízo, que indeferiu pedido de liberdade provisória formulado pelos mesmos, o N. Causídicos chegaram a declarar, de forma expressa e categórica, em mais de uma ocasião – como bem lembrado pelo nobre representante do Ministério Público às fls. 4058 – que durante as investigações, os réus “PERMITIRAM” a coleta de sangue deles, querendo, com isso, demonstrar que estavam colaborando para a instrução do feito. Como podem, agora, virem novamente em Juízo para afirmarem exatamente o contrário e, o que é mais sintomático, alegar que se trata de fato novo ? (..........) como já ressaltado, não se trata de fato novo, mas de informação que há muito já constava dos autos, não adquirindo esta característica tão somente porque tal situação teria sido veiculada através de reportagem jornalística, a qual, diga-se de passagem, foi subscrita por jornalista que supostamente pertenceria à equipe da assistente técnica Delma Gama e Narici, que foi contratada pelos próprios réus, como mencionado pelo Dr. Promotor de Justiça em suas contra-razões deste recurso (fls. 4057).
Anexaram ainda ao processo a foto que prova a ligação entre o dito jornalista e a perita contratada pela defesa para contestar a tese da promotoria.




Mentiras, frieza, cinismo, insensibilidade é o que a família Nardoni tem demonstrado ........
Nós acreditamos, assim como Ana Carolina de Oliveira, que a JUSTIÇA SERÁ FEITA!
Porém:
A DOR DA PERDA SERÁ PARA SEMPRE

link do postPor anjoseguerreiros, às 10:44 

De Anónimo a 25 de Janeiro de 2009 às 15:44
Infelizmente muitos juízes se deixam levar por mentiras quando dão a sentença.
A família Nardoni deve ter feito um pacote fechado com seus advogados, porque haja dinheiro para tantos pedidos de habeas corpus.
Seria tão mais decente se eles se ocupassem em procurar ajuda de profissionais da saúde mental para o casal e seus netos sobreviventes e para que vivos continuem.
Foi um crime cruel, torpe, praticado por dois insanos. A mulher agindo como garota mimada, e o rapaz completamente submisso, dependente dos pais.
Ao invés de provar a inocência dos dois, seria melhor poupar o rico dinheiro para os netos que precisarão dele no futuro.Precisarão e muito, pois até mesmo para uma criança será difícil apagar da memória que um dia participaram de tanto horror.

De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

pesquisar
 
colaboradores: carmen e maria celia

Janeiro 2009
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3

4
5
6
7
8
9





arquivos
subscrever feeds
blogs SAPO