notícias atuais sobre saúde, violência,justiça,cidadania,educação, cultura,direitos humanos,ecologia, variedades,comportamento
21.5.09
SÃO PAULO - A Justiça começa a decidir se o ex-jogador de futebol Janken Ferraz, acusado de matar a ex-namorada Ana Cláudia de Melo, vai a júri popular. A acusação quer que a mãe dele também seja processada como coautora do assassinato e pediu a convocação do atacante Ronaldo, do Corinthians, como testemunha de acusação. Para a acusação, Dermivalda Ferraz, mãe de Janken, teria incentivado o ex-jogador a cometer o crime para que ficasse com o filho.
Janken Ferraz saiu, na manhã desta quinta-feira, do Centro de Detenção Provisória da Vila Prudente, na zona leste da capital, para a primeira audiência do processo. Vinte e três testemunhas foram convocadas para a audiência no 1º Tribunal do Júri. O nome do goleiro do Santos, Fábio Costa, estava na lista. Mas ele será ouvido no dia 1º de junho em Santos, cidade onde mora.
Durante a tarde, Janken acompanhou cada depoimento sobre o crime que ele já confessou. Em março, ele matou a ex-namorada com 21 facadas. Depois trocou de camisa, pegou o filho do casal e fugiu do prédio onde ocorreu o crime. Na porta do fórum, defesa e acusação ensaiaram um debate. O advogado de Janken se baseou na reconstituição, feita duas semanas atrás, para dizer que o ex-jogador agiu em legítima defesa, por desespero.
- Ela (Ana Cláudia) pegou a faca, não ele. Quando a pessoa tem uma faca indo para o pescoço, o cérebro se concentra na autodefesa - diz Mauro Nacif, advogado de defesa.
A acusação trouxe para a audiência uma posição polêmica. Ela quer que a Justiça convoque o centroavante Ronaldo, do Corinthians, como testemunha.
- Para mostrar que o Janken que aproximou, que apresentou, a vítima Ana Cláudia ao Ronaldo. Estava premeditando aquele crime. Ele estava montando todo um cenário de bonzinho e depois ceifou covardemente a vida da vítima - diz José Beraldo, assistente de acusação.
A convocação de Ronaldo ainda precisa ser aceita pela juíza, que até o início da noite desta quinta-feira, ouvia as testemunhas de defesa do caso.


O Globo On Line
link do postPor anjoseguerreiros, às 21:15  comentar

pesquisar
 
colaboradores: carmen e maria celia

Maio 2009
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2

3
4
5
6
7
8
9






arquivos
blogs SAPO