notícias atuais sobre saúde, violência,justiça,cidadania,educação, cultura,direitos humanos,ecologia, variedades,comportamento
22.5.09

Dados devem auxiliar autoridades na elaboração de políticas para combater problema
Há três anos em vigor, a lei Maria da Penha trouxe penas mais rígidas para quem pratica a violência contra a mulher. No entanto, faltam dados para que as autoridades elaborem políticas eficientes para combater esse problema.
A partir desta quinta-feira, o Ministério Público Estadual, em parceria com o Ministério da Justiça, lança um cadastro para traçar um perfil das vítimas e dos agressores. As informações serão retiradas das ocorrências policiais, que depois são repassadas à justiça.
A intenção é disponibilizar estatísticas como perfil, renda familiar, região onde vivem e hábitos de consumo de álcool e drogas. A medida será oficializada no Seminário Maria da Penha, que começou na noite desta quinta-feira. Amanhã o evento segue com o presença do ministro da justiça Tarso Genro e de especialistas de várias partes do país.


Por:Josmar Leite | josmar.leite@rdgaucha.com.br
Zero Hora - Porto Alegre
link do postPor anjoseguerreiros, às 14:45 

De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

pesquisar
 
colaboradores: carmen e maria celia

Maio 2009
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2

3
4
5
6
7
8
9






arquivos
subscrever feeds
blogs SAPO