notícias atuais sobre saúde, violência,justiça,cidadania,educação, cultura,direitos humanos,ecologia, variedades,comportamento
26.5.09

O ciclone Aila passou nesta terça-feira por Bengala Ocidental, no leste da Índia, e por Bangladesh, inundando cidades e deixando ao menos 110 mortos, informaram autoridades locais. A agência de notícias Reuters afirma que ao menos 120 morreram pelas fortes chuvas e ventos causadas por Aila, que perde força nesta terça-feira.
Em Bangladesh, ao menos 81 morreram pelas enchentes, segundo Ministério de Gestão de Desastres bengalês, citada pela agência de notícias local UNB. Os distritos portuários do sul foram os mais atingidos e muitos deles ficaram isolados.
Em Bengala Ocidental, 31 pessoas morreram devido ao ciclone, segundo disse à imprensa o secretário de Interior do Governo regional, Ashok Mohan Chakroborty.
"As árvores já foram afastadas das grandes estradas, mas ainda há obstruções nos caminhos", admitiu Chakroborty, citado pela agência de notícias indiana PTI.
O Aila tocou a terra nesta segunda-feira com ventos de até 110 km/h e, embora em princípio parecesse se dirigir à metrópole bengali de Calcutá, virou cerca de 50 quilômetros a oeste e continuou rumo ao norte.
O furacão arrancou árvores, derrubou postes de rede elétrica e arrasou casas por todo o Estado indiano, onde pelo menos 110 mil pessoas ficaram desabrigadas. Em Bangladesh, o fenômeno causou um aumento da maré que inundou pelo menos quatro distritos.
Os Exércitos dos dois países iniciaram trabalhos de resgate.

Fonte: Folha Online
tags:
link do postPor anjoseguerreiros, às 13:51 

De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

pesquisar
 
colaboradores: carmen e maria celia

Maio 2009
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2

3
4
5
6
7
8
9






arquivos
subscrever feeds
blogs SAPO