notícias atuais sobre saúde, violência,justiça,cidadania,educação, cultura,direitos humanos,ecologia, variedades,comportamento
16.1.09
SÃO PAULO - Cinco pessoas já foram ouvidas e novas testemunhas devem depor nesta sexta-feira à polícia sobre a morte do empresário Robson Douglas Tempesta, de sua mulher, Ana Paula Tempesta, e das duas filhas do casal, Camila, de 8 anos, e Laura, de 1 e 8 meses. A lista de testemunhas é extensa e a polícia acredita que a família foi morta por vingança. Credores do casal são suspeitos, já que funcionários disseram que eles eram ameaçados.
Na comunidade de um site de relacionamentos, que se intitula "Eu Já Levei Calote de Pilantra", uma mensagem avisava a todos da morte de Robson e de sua mulher. A mensagem ainda lamentava que muitos iriam ficar no prejuízo, mas que ele não iria aplicar golpes em mais ninguém. Tempesta era empresário do setor de eventos e é descrito na comunidade como alguém que aplicava golpes em pessoas contratadas pela empresa dele. Em uma das mensagens da comunidade, uma ameaça para o empresário foi deixada: "A casa vai cair, e vai ser logo".
A família foi executada na noite de quarta-feira na cidade de Americana, onde residia e mantinha a empresa. Tempesta e a mulher foram atingidos por 16 tiros. Os corpos das duas meninas, mortas por estrangulamento, foram encontrados pelo lavrador Benedito de Lima, às margens de uma rodovia, em Elias Fausto, a 50 quilômetros de Americana.
O secretário de Segurança Pública do Estado de São Paulo, Ronaldo Augusto Marzagão, e o delegado geral da Polícia Civil de São Paulo, Maurício José Lemos Freire, devem ir a Americana nesta sexta-feira para acompanhar as investigações.
A hipótese de vingança é levantada pelo delegado seccional de Americana, João Dutra, já que existem processos contra a vítima na Justiça Comum, por estelionato.
- Não haveria outro motivo para um crime tão bárbaro - afirmou o seccional.
Na tarde de quinta-feira, os corpos das quatro vítimas foram enterrados em Santa Bárbara d´Oeste. O pai do empresário, José Geraldo Tempesta, disse desconhecer que o filho tivesse inimigos. "Se ele tinha nunca me falou nada", afirmou.

QUE COVARDIA!!!!


link do postPor anjoseguerreiros, às 11:44 

De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

pesquisar
 
colaboradores: carmen e maria celia

Janeiro 2009
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3

4
5
6
7
8
9





arquivos
subscrever feeds
blogs SAPO