notícias atuais sobre saúde, violência,justiça,cidadania,educação, cultura,direitos humanos,ecologia, variedades,comportamento
24.2.09
Dois jornalistas que produziam uma reportagem sobre a vida dos moradores da favela Paraisópolis, na divisa entre as zonas sul e oeste de São Paulo, foram mantidos reféns na noite de ontem por criminosos.
Por questões de segurança, a Folha não revela a identidade dos profissionais --um repórter e uma fotógrafa free-lance que apuravam a reportagem para uma revista de circulação nacional.
O equipamento da fotógrafa foi roubado pelos homens que os mantiveram reféns por cerca de 40 minutos.
Os jornalistas entraram na favela às 10h e passaram o dia circulando a pé. Ao anoitecer, apesar de o governo de São Paulo ter determinado no início deste mês uma ocupação por parte da Polícia Militar no local, os profissionais foram capturados por homens armados que se apresentaram como traficantes.
A libertação deles ocorreu quando os criminosos os colocaram em um carro e os levaram para um posto de gasolina, na avenida Giovanni Gronchi. Eles não sofreram violência física.


ANDRÉ CARAMANTE
da Folha de S.Paulo
link do postPor anjoseguerreiros, às 14:51  comentar

pesquisar
 
colaboradores: carmen e maria celia

Fevereiro 2009
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5
6
7

8
9




arquivos
blogs SAPO