notícias atuais sobre saúde, violência,justiça,cidadania,educação, cultura,direitos humanos,ecologia, variedades,comportamento
9.3.09
Internada, Andressa Sales tem exames que mostram gravidez de gêmeos. Promotora de Ferraz de Vasconcelos aguarda melhoria de sua saúde.

O Ministério Público de São Paulo quer ouvir ainda nesta segunda-feira (9) a dona-de-casa Andressa Sales, de 35 anos, que tem exames que comprovariam a gravidez de gêmeos, mas saiu da sala de parto com apenas um bebê. O caso aconteceu semana passada em Ferraz de Vasconcelos, na Grande São Paulo. A mulher está internada em um hospital em Itaquaquecetuba, também na região metropolitana, onde passou por uma limpeza cirúrgica na região da cesariana, porque alguns pontos se soltaram. Segundo os médicos, o quadro dela é estável, mas ainda sem previsão de alta. De acordo com a promotora Daniela Hashinoto, de Ferraz de Vasconcelos, a dona-de-casa se recupera da cirurgia utilizando um balão de oxigênio, o que impediu o depoimento durante a manhã. Ela afirmou que aguarda a recuperação da mulher para ouvi-la ainda durante esta tarde. Caso não seja possível, o depoimento pode ocorrer na manhã de terça-feira (10).
A Polícia Civil abriu inquérito para investigar o caso. O delegado responsável também quer ouvir a dona-de-casa, mas isso só vai ocorrer depois que ela receber alta. A equipe médica que fez o parto será ouvida apenas após o depoimento dela.
Segundo a promotora, como não é possível apressar o depoimento de Andressa devido ao seu estado de saúde, o Ministério Público analisa a possibilidade de adiantar os pedidos para levantar os prontuários nos hospitais onde a mulher fez seu pré-natal. “Queremos tentar fazer os pedidos entre hoje [segunda] e amanhã [terça], mesmo sem as declarações dela.”

Choque
O marido de Andressa diz que desde o início da gestação eles foram informados que teriam dois filhos. Mas, no dia do parto, uma médica comunicou o nascimento de um só bebê. “Ela falou que tinha um bebê só, e me chamou para dentro da sala e me mostrou a barriga dela aberta e o útero. Fiquei em estado de choque”, disse o estudante Rodrigo Triano. A família diz que Andressa fez exames em pelo menos três hospitais públicos, e que todos comprovariam a gravidez de gêmeos. Um ultrassom feito na véspera do parto aponta imagens que seriam das duas crianças. O laudo traz ainda as medidas e até o peso de cada um dos bebês. Mas a Secretaria Estadual da Saúde, responsável pelo hospital, informou que houve um erro na ultrassonografia, e que Andressa sempre esteve grávida de apenas um bebê. Os advogados da família discordam.


fonte:G1

link do postPor anjoseguerreiros, às 17:27  comentar

pesquisar
 
colaboradores: carmen e maria celia

Março 2009
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5
6
7

8
9





arquivos
blogs SAPO