notícias atuais sobre saúde, violência,justiça,cidadania,educação, cultura,direitos humanos,ecologia, variedades,comportamento
6.2.09
Ele aceitou o suborno em 1985 para emitir um atestado médico falso.Caso se arrastou ao longo dos anos porque Prasad havia recorrido.

O médico Balgovind Prasad, de 75 anos, foi condenado pela Justiça indiana a três meses de prisão, porque ele aceitou 25 rupias (R$ 1,18) de suborno de um varredor em 1985 para emitir um atestado médico falso. O caso se arrastou ao longo dos anos porque Prasad, que foi condenado em 1992 a um ano de prisão, havia recorrido da sentença. Na terça-feira, a máxima corte do estado de Bihar reduziu a pena de um ano para três meses. A Justiça decidiu diminuir a condenação, pois considerou que o suborno era insignificante. "O valor do suborno era muito pequeno, e Prasad pensava que iria receber um indulto do tribunal", disse o promotor Vipin Kumar Sinha.


FONTE:G1
link do postPor anjoseguerreiros, às 14:22 

De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

pesquisar
 
colaboradores: carmen e maria celia

Fevereiro 2009
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5
6
7

8
9




arquivos
subscrever feeds
blogs SAPO