notícias atuais sobre saúde, violência,justiça,cidadania,educação, cultura,direitos humanos,ecologia, variedades,comportamento
18.5.09
Em 2009 o Disque Denúncia já recebeu 464 denúncias; o caso de maior repercussão foi o da menina de Alagoinha
Nesta segunda-feira (18) é comemorado o Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual Contra Crianças e Adolescentes. Para lembrar a data, policiais civis da Gerência de Polícia da Criança e Adolescente (GPCA) realizarão, a partir das 7h30, uma panfletagem na Praça do Derby, no Recife. A ação será voltada para sensibilizar a população sobre a importância de denunciar os crimes sexuais praticados contra menores.
De acordo com a GPCA, os policiais entregarão materiais informativos contendo orientações sobre os locais e as maneiras de denunciar um ato criminoso. Na ocasião, os policiais também esclarecerão dúvidas da população sobre o tema, estimulando denúncias dos abusos sexuais.
De acordo com o Disque Denúncia, até 14 de maio de 2009, foram recebidas 464 denúncias de abuso sexual contra a criança e adolescente. Em 2008, foram 505 denúncias ligações denunciando esse tipo de violência. Naquele ano, 37% dos agressores tinham parentesco com a vítima e 78% das crianças e adolescentes que sofriam abuso eram meninas.
O caso de maior repercussão na opinião pública em 2009 foi o da menina de Alagoinha (foto), 9 anos, estuprada pelo padrasto.

Da Redação do pe360graus.com

MAS, NÓS QUEREMOS SABER: E O CASO DE ARAPIRINA?

Seis meninas, com idades entre 6 e 9 anos, relataram às mães terem sofrido abuso sexual na cidade de Araripina (PE), a 684 km de Recife, por pelo menos um ano. O acusado foi Jaílson Alves Bezerra, 38 anos, apicultor e ex-motorista do Programa de Erradicação do Trabalho Infantil em Araripina,marido da dona da escola onde as meninas estudavam
De acordo com a Delegacia que acompanha o caso, Lívia Pires, os crimes aconteciam na casa do acusado.Ele está com a prisão decretada, mas, segundo as autoridades locais, encontra-se foragido.Contudo, nós recebemos várias denúncias de que o criminoso está abrigado em casa de parentes ( veja os depoimentos abaixo)


Anônimo disse...
Em Arapina também foi preso um conselheiro tutelar que abusou de uma menina de anos, agora vem mais este caso profano e meu Deus crianças, escolas,filha, sobrinhas que jogo sujo. Araripianos tomem uma providência e rápido,no caminho que vai Araripina não vai ser a terra da Moleca sem vergonha, mais sim dos homens sem vergonha. Tá na hora da polícia acordar...
28 de Abril de 2009 20:20
Anônimo disse...
Esse caso esta tendo uma grande repercussão, por isso acredita-se que será feito justiça, precisamos é perder o medo e denunciar, so assim conseguiremos combater a pedofia, está no ECA, devemos denunciar mesmo quando há suspeitas e nesse caso parece que o sujeito foi longe mesmo.
28 de Abril de 2009 20:38



Anônimo disse...
´´E importante denunciar esse tipo de crime so assim conseguiremos vencer e dar um basta nesses agressores, parabéns,segurem firmes na mão de Deus porque como educadoras, mães e pessoasda comunidade fizeram a coisa certa. Deus as iluminem. Ãnimo Deus é mais.
28 de Abril de 2009 23:11

FAÇAM A COISA CERTA NÃO DEIXEM ESSE ABUSO SEXUAL CAIR NO ESQUECIMENTO, PARA NÃO DAR OUSADIA A OUTROS PILANTRAS,PRENDAM QUEM TIVER QUE PRENDEREM E INDICIEM COMO CÚMPLICE QUEM REALMENTE É, POIS O QUE TEM DE "GENTINHA" DANDO COBERTURA A ESSE BANDIDO NÃO ESTÁ NO GIBI.
30 de Abril de 2009 00:35

O abuso das crianças do sertão do araripe é uma vergonha nacional, mas a vergonha maior é para Araripina, onde está o conselho tutelar? E o prefeito? E a polícia? E os Araripianos estão dormindo porque? Chega gente dê um basta nessa situação, é obrigação da polícia, investigar e correr atrás desse bandido, a esposa dele sabe onde ele está, pois foi ela mesma que levou as roupas dele, para ele fugir...
1 de Maio de 2009 19:12

Anônimo disse...
Fico surpreso com esses fatos embora eles já estejam virando uma moda, ainda que maldita, é preciso combater. Quem colocar os olhos nesse sujeito não se torne cúmplice denuncie. pois o que ele fez com várias crianças inclusive com a própria filha terá efeitos negativos amanhã, sem contar que ele pode abusar da minha filha e da sua também.Denuncie
1 de Maio de 2009 22:50
Anônimo disse...
Queremos justiça e não podemos mais fingir que não estamos vendo as coisas acontecerem, Nascente não pode ficar imóvel, digam não a pedófilia, digam não a esse bandido que dilacerou a vida de tantas pessoas, sejam solidários e denunciem qualquer informação a respeito desse sujeito.
2 de Maio de 2009 08:00


Geanilde disse...
Maria Célia e Carmem
Fico feliz que existam pessoas como vocês solidáios a nossa causa, sou mãe de uma dessas garotas, e além de lutar pelas nossas filhas precisamos lutar por outras que foram vítimas do mesmo agressor, porém os pais são fracos (covardes o suficiente) para não denuncia-lo pois usam a desculpa de não expor suas filhas, quando na verdade eles querem mesmo é não expor a proprietária da escola e não querem perder o quebra galho (bico) que fazem por lá, e infelismente acabam se tornando cúmplice de um bandido inescrupuloso que não teve consideração a ninguém , e assim na suaq santa ignorância esses pais estão privando suas filhas de terem um tratamento psicológico que mnimisaria o impacto desse acontecimento na vida delas para o futuro. O meu muitíssimo obrigado a Deus por vocês estarem nessa luta. Deus há de recompensá-las e há de ser feito justiça. Obrigada. Geanilde.
2 de Maio de 2009 08:11

Anônimo disse...
Nascente está virando palco de filmes de terror, onde ja se viu, crianças serem abusadas pelo próprio dono da escola onde estudavam e as autoridades não tomam nenhuma providência, o que estão esperando, a polícia de Araripina é mais lenta do que em qualquer lugar ppois um caso desses, já era pra ter sido resolvido, mas enquanto eles dormem os " os inocentes" tem seus encontros furtivos na c alada da noite e a esposinha, coitadinha, inocentinha,burriiiiiiiiiiiinha, precisa viajar constantemente para espairecer. Oh, céus ate quando? até quando???????????????????
2 de Maio de 2009 19:46

Anônimo disse...
Hoje fiquei sabendo que a esposinha, inocentinha, coitadinha está tão triste que necessita está em contato com o bandido inocentinho, depois de tê-lo escondido na casa de familiares. E a polícia? A polícia não está nem aí? Se estivesse ele também estaria atrás das grades. Fazer o que a polícia é cega, surda e burra...
3 de Maio de 2009 19:03

Anônimo disse...
DENUNCIAR EIS A QUESTÃO: MAS DO QUE ADIANTA? AS MÃES FORAM LÁ E DENUNCIARAM O ABUSO DAS FILHAS, PORÉM A POLÍCIA SE PREOCUPA MAIS EM COAGI-LAS DO QUE EM CAPTURAR O BANDIDO. o QUE ESTÁ ACONTECENDO PORQUE ALGUNS POLICIAIS DA CIVIL ESTÃO QUERENDO INVERTER O JOGO PRECIONANDO AS MÃES, qUE INTERESSES ROLAM POR BAIXO DOS PANOS. sERÁ GRAMA VERDINHA? COM CERTEZA.
3 de Maio de 2009 21:40

Anônimo disse...
Hoje foi que percebi esse espaço e fico feliz, porque vejo a luta desenreada das mães tentando, buscando, implorando,para que haja justiça a suas filhas e assisto ao descaso da polícia intrigado, quem já se vil tanta frieza da polícia num caso desses? É amigo isso é Araripina. Como já disseram antes essa é uma terra sem lei. E agora constatamos isso infelismente.
3 de Maio de 2009 21:54

Anônimo disse...
Em araripina acada dia surge um abuso sexual praticado por pessoas fora de suspeita, no entanto parece que estamos de mãos atadas,pois nada conseguimos fazer, pois infelismente a sociedade se comove diante do caso mas na hora da ação os pais ficam sosinhos e a pr´ppria polícia não tem feito bem a sua parte.
4 de Maio de 2009 19:21

Anônimo disse...
Precisamos mudar o rumo dos acontecimentos em Araripina, tá na hora de dá um basta nessa situação ridícula que já foi longe demais, cheeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeega! Prendam esse bandido.
4 de Maio de 2009 20:05

Anônimo disse...
mais um dia chega próximo ao seu final e alguns integrantes da polícia sabem onde o Jailson se encontra, porém estão protegendo-o. estranho não era o outro lado que devia sentir essa proteção?
5 de Maio de 2009 22:42

Anônimo disse...
Gostaria de ver a justiça sendo feita em casos como esse, essas crianças sofreram uma pressão psicológica muito grande e o indivíduo continua sorrindo por aí com se nada tivesse acontecido, é lamentável, mas a nossa esperança é o que nos mantém de pé, porque acreditamos que ainda existem pessoas comprometidas e que não se corromperá diante do dinheiro e dos bens materiais.
07 de maio de 2009

Anônimo disse...
A esperança vai sendo minada aos poucos e aí so nos resta a fé em Deus, que tem um, tempo pra tudo, pois a justiça humana é muito falha. Que pena alguns policiais se deixam corromper por tão pouco e o sentido da farda que vestem já se perdeu em meio a deslealdade e impunidade mas quem sabe de repente alguém se manifesta e um lapso de bom senso e justiça venha a fazer a diferença... Vamos aguardar, tem outro jeito?
12 de Maio de 2009 19:59

Anônimo disse...
Ser paciente eis a questão, enquanto somos passivos os bandidos escarnecem de nós... Jailson está escondido no terreno do patr~ao dele e a polícia não faz nada? Até quando teremos que esperar? que lei é essa que oprime inocentes e protege bandidos?
17 de Maio de 2009 18:48
link do postPor anjoseguerreiros, às 11:00  ver comentários (15) comentar

Em 2009 o Disque Denúncia já recebeu 464 denúncias; o caso de maior repercussão foi o da menina de Alagoinha
Nesta segunda-feira (18) é comemorado o Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual Contra Crianças e Adolescentes. Para lembrar a data, policiais civis da Gerência de Polícia da Criança e Adolescente (GPCA) realizarão, a partir das 7h30, uma panfletagem na Praça do Derby, no Recife. A ação será voltada para sensibilizar a população sobre a importância de denunciar os crimes sexuais praticados contra menores.
De acordo com a GPCA, os policiais entregarão materiais informativos contendo orientações sobre os locais e as maneiras de denunciar um ato criminoso. Na ocasião, os policiais também esclarecerão dúvidas da população sobre o tema, estimulando denúncias dos abusos sexuais.
De acordo com o Disque Denúncia, até 14 de maio de 2009, foram recebidas 464 denúncias de abuso sexual contra a criança e adolescente. Em 2008, foram 505 denúncias ligações denunciando esse tipo de violência. Naquele ano, 37% dos agressores tinham parentesco com a vítima e 78% das crianças e adolescentes que sofriam abuso eram meninas.
O caso de maior repercussão na opinião pública em 2009 foi o da menina de Alagoinha (foto), 9 anos, estuprada pelo padrasto.

Da Redação do pe360graus.com

MAS, NÓS QUEREMOS SABER: E O CASO DE ARAPIRINA?

Seis meninas, com idades entre 6 e 9 anos, relataram às mães terem sofrido abuso sexual na cidade de Araripina (PE), a 684 km de Recife, por pelo menos um ano. O acusado foi Jaílson Alves Bezerra, 38 anos, apicultor e ex-motorista do Programa de Erradicação do Trabalho Infantil em Araripina,marido da dona da escola onde as meninas estudavam
De acordo com a Delegacia que acompanha o caso, Lívia Pires, os crimes aconteciam na casa do acusado.Ele está com a prisão decretada, mas, segundo as autoridades locais, encontra-se foragido.Contudo, nós recebemos várias denúncias de que o criminoso está abrigado em casa de parentes ( veja os depoimentos abaixo)


Anônimo disse...
Em Arapina também foi preso um conselheiro tutelar que abusou de uma menina de anos, agora vem mais este caso profano e meu Deus crianças, escolas,filha, sobrinhas que jogo sujo. Araripianos tomem uma providência e rápido,no caminho que vai Araripina não vai ser a terra da Moleca sem vergonha, mais sim dos homens sem vergonha. Tá na hora da polícia acordar...
28 de Abril de 2009 20:20
Anônimo disse...
Esse caso esta tendo uma grande repercussão, por isso acredita-se que será feito justiça, precisamos é perder o medo e denunciar, so assim conseguiremos combater a pedofia, está no ECA, devemos denunciar mesmo quando há suspeitas e nesse caso parece que o sujeito foi longe mesmo.
28 de Abril de 2009 20:38



Anônimo disse...
´´E importante denunciar esse tipo de crime so assim conseguiremos vencer e dar um basta nesses agressores, parabéns,segurem firmes na mão de Deus porque como educadoras, mães e pessoasda comunidade fizeram a coisa certa. Deus as iluminem. Ãnimo Deus é mais.
28 de Abril de 2009 23:11

FAÇAM A COISA CERTA NÃO DEIXEM ESSE ABUSO SEXUAL CAIR NO ESQUECIMENTO, PARA NÃO DAR OUSADIA A OUTROS PILANTRAS,PRENDAM QUEM TIVER QUE PRENDEREM E INDICIEM COMO CÚMPLICE QUEM REALMENTE É, POIS O QUE TEM DE "GENTINHA" DANDO COBERTURA A ESSE BANDIDO NÃO ESTÁ NO GIBI.
30 de Abril de 2009 00:35

O abuso das crianças do sertão do araripe é uma vergonha nacional, mas a vergonha maior é para Araripina, onde está o conselho tutelar? E o prefeito? E a polícia? E os Araripianos estão dormindo porque? Chega gente dê um basta nessa situação, é obrigação da polícia, investigar e correr atrás desse bandido, a esposa dele sabe onde ele está, pois foi ela mesma que levou as roupas dele, para ele fugir...
1 de Maio de 2009 19:12

Anônimo disse...
Fico surpreso com esses fatos embora eles já estejam virando uma moda, ainda que maldita, é preciso combater. Quem colocar os olhos nesse sujeito não se torne cúmplice denuncie. pois o que ele fez com várias crianças inclusive com a própria filha terá efeitos negativos amanhã, sem contar que ele pode abusar da minha filha e da sua também.Denuncie
1 de Maio de 2009 22:50
Anônimo disse...
Queremos justiça e não podemos mais fingir que não estamos vendo as coisas acontecerem, Nascente não pode ficar imóvel, digam não a pedófilia, digam não a esse bandido que dilacerou a vida de tantas pessoas, sejam solidários e denunciem qualquer informação a respeito desse sujeito.
2 de Maio de 2009 08:00


Geanilde disse...
Maria Célia e Carmem
Fico feliz que existam pessoas como vocês solidáios a nossa causa, sou mãe de uma dessas garotas, e além de lutar pelas nossas filhas precisamos lutar por outras que foram vítimas do mesmo agressor, porém os pais são fracos (covardes o suficiente) para não denuncia-lo pois usam a desculpa de não expor suas filhas, quando na verdade eles querem mesmo é não expor a proprietária da escola e não querem perder o quebra galho (bico) que fazem por lá, e infelismente acabam se tornando cúmplice de um bandido inescrupuloso que não teve consideração a ninguém , e assim na suaq santa ignorância esses pais estão privando suas filhas de terem um tratamento psicológico que mnimisaria o impacto desse acontecimento na vida delas para o futuro. O meu muitíssimo obrigado a Deus por vocês estarem nessa luta. Deus há de recompensá-las e há de ser feito justiça. Obrigada. Geanilde.
2 de Maio de 2009 08:11

Anônimo disse...
Nascente está virando palco de filmes de terror, onde ja se viu, crianças serem abusadas pelo próprio dono da escola onde estudavam e as autoridades não tomam nenhuma providência, o que estão esperando, a polícia de Araripina é mais lenta do que em qualquer lugar ppois um caso desses, já era pra ter sido resolvido, mas enquanto eles dormem os " os inocentes" tem seus encontros furtivos na c alada da noite e a esposinha, coitadinha, inocentinha,burriiiiiiiiiiiinha, precisa viajar constantemente para espairecer. Oh, céus ate quando? até quando???????????????????
2 de Maio de 2009 19:46

Anônimo disse...
Hoje fiquei sabendo que a esposinha, inocentinha, coitadinha está tão triste que necessita está em contato com o bandido inocentinho, depois de tê-lo escondido na casa de familiares. E a polícia? A polícia não está nem aí? Se estivesse ele também estaria atrás das grades. Fazer o que a polícia é cega, surda e burra...
3 de Maio de 2009 19:03

Anônimo disse...
DENUNCIAR EIS A QUESTÃO: MAS DO QUE ADIANTA? AS MÃES FORAM LÁ E DENUNCIARAM O ABUSO DAS FILHAS, PORÉM A POLÍCIA SE PREOCUPA MAIS EM COAGI-LAS DO QUE EM CAPTURAR O BANDIDO. o QUE ESTÁ ACONTECENDO PORQUE ALGUNS POLICIAIS DA CIVIL ESTÃO QUERENDO INVERTER O JOGO PRECIONANDO AS MÃES, qUE INTERESSES ROLAM POR BAIXO DOS PANOS. sERÁ GRAMA VERDINHA? COM CERTEZA.
3 de Maio de 2009 21:40

Anônimo disse...
Hoje foi que percebi esse espaço e fico feliz, porque vejo a luta desenreada das mães tentando, buscando, implorando,para que haja justiça a suas filhas e assisto ao descaso da polícia intrigado, quem já se vil tanta frieza da polícia num caso desses? É amigo isso é Araripina. Como já disseram antes essa é uma terra sem lei. E agora constatamos isso infelismente.
3 de Maio de 2009 21:54

Anônimo disse...
Em araripina acada dia surge um abuso sexual praticado por pessoas fora de suspeita, no entanto parece que estamos de mãos atadas,pois nada conseguimos fazer, pois infelismente a sociedade se comove diante do caso mas na hora da ação os pais ficam sosinhos e a pr´ppria polícia não tem feito bem a sua parte.
4 de Maio de 2009 19:21

Anônimo disse...
Precisamos mudar o rumo dos acontecimentos em Araripina, tá na hora de dá um basta nessa situação ridícula que já foi longe demais, cheeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeega! Prendam esse bandido.
4 de Maio de 2009 20:05

Anônimo disse...
mais um dia chega próximo ao seu final e alguns integrantes da polícia sabem onde o Jailson se encontra, porém estão protegendo-o. estranho não era o outro lado que devia sentir essa proteção?
5 de Maio de 2009 22:42

Anônimo disse...
Gostaria de ver a justiça sendo feita em casos como esse, essas crianças sofreram uma pressão psicológica muito grande e o indivíduo continua sorrindo por aí com se nada tivesse acontecido, é lamentável, mas a nossa esperança é o que nos mantém de pé, porque acreditamos que ainda existem pessoas comprometidas e que não se corromperá diante do dinheiro e dos bens materiais.
07 de maio de 2009

Anônimo disse...
A esperança vai sendo minada aos poucos e aí so nos resta a fé em Deus, que tem um, tempo pra tudo, pois a justiça humana é muito falha. Que pena alguns policiais se deixam corromper por tão pouco e o sentido da farda que vestem já se perdeu em meio a deslealdade e impunidade mas quem sabe de repente alguém se manifesta e um lapso de bom senso e justiça venha a fazer a diferença... Vamos aguardar, tem outro jeito?
12 de Maio de 2009 19:59

Anônimo disse...
Ser paciente eis a questão, enquanto somos passivos os bandidos escarnecem de nós... Jailson está escondido no terreno do patr~ao dele e a polícia não faz nada? Até quando teremos que esperar? que lei é essa que oprime inocentes e protege bandidos?
17 de Maio de 2009 18:48
link do postPor anjoseguerreiros, às 11:00  ver comentários (5) comentar

Em 2009 o Disque Denúncia já recebeu 464 denúncias; o caso de maior repercussão foi o da menina de Alagoinha
Nesta segunda-feira (18) é comemorado o Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual Contra Crianças e Adolescentes. Para lembrar a data, policiais civis da Gerência de Polícia da Criança e Adolescente (GPCA) realizarão, a partir das 7h30, uma panfletagem na Praça do Derby, no Recife. A ação será voltada para sensibilizar a população sobre a importância de denunciar os crimes sexuais praticados contra menores.
De acordo com a GPCA, os policiais entregarão materiais informativos contendo orientações sobre os locais e as maneiras de denunciar um ato criminoso. Na ocasião, os policiais também esclarecerão dúvidas da população sobre o tema, estimulando denúncias dos abusos sexuais.
De acordo com o Disque Denúncia, até 14 de maio de 2009, foram recebidas 464 denúncias de abuso sexual contra a criança e adolescente. Em 2008, foram 505 denúncias ligações denunciando esse tipo de violência. Naquele ano, 37% dos agressores tinham parentesco com a vítima e 78% das crianças e adolescentes que sofriam abuso eram meninas.
O caso de maior repercussão na opinião pública em 2009 foi o da menina de Alagoinha (foto), 9 anos, estuprada pelo padrasto.

Da Redação do pe360graus.com

MAS, NÓS QUEREMOS SABER: E O CASO DE ARAPIRINA?

Seis meninas, com idades entre 6 e 9 anos, relataram às mães terem sofrido abuso sexual na cidade de Araripina (PE), a 684 km de Recife, por pelo menos um ano. O acusado foi Jaílson Alves Bezerra, 38 anos, apicultor e ex-motorista do Programa de Erradicação do Trabalho Infantil em Araripina,marido da dona da escola onde as meninas estudavam
De acordo com a Delegacia que acompanha o caso, Lívia Pires, os crimes aconteciam na casa do acusado.Ele está com a prisão decretada, mas, segundo as autoridades locais, encontra-se foragido.Contudo, nós recebemos várias denúncias de que o criminoso está abrigado em casa de parentes ( veja os depoimentos abaixo)


Anônimo disse...
Em Arapina também foi preso um conselheiro tutelar que abusou de uma menina de anos, agora vem mais este caso profano e meu Deus crianças, escolas,filha, sobrinhas que jogo sujo. Araripianos tomem uma providência e rápido,no caminho que vai Araripina não vai ser a terra da Moleca sem vergonha, mais sim dos homens sem vergonha. Tá na hora da polícia acordar...
28 de Abril de 2009 20:20
Anônimo disse...
Esse caso esta tendo uma grande repercussão, por isso acredita-se que será feito justiça, precisamos é perder o medo e denunciar, so assim conseguiremos combater a pedofia, está no ECA, devemos denunciar mesmo quando há suspeitas e nesse caso parece que o sujeito foi longe mesmo.
28 de Abril de 2009 20:38



Anônimo disse...
´´E importante denunciar esse tipo de crime so assim conseguiremos vencer e dar um basta nesses agressores, parabéns,segurem firmes na mão de Deus porque como educadoras, mães e pessoasda comunidade fizeram a coisa certa. Deus as iluminem. Ãnimo Deus é mais.
28 de Abril de 2009 23:11

FAÇAM A COISA CERTA NÃO DEIXEM ESSE ABUSO SEXUAL CAIR NO ESQUECIMENTO, PARA NÃO DAR OUSADIA A OUTROS PILANTRAS,PRENDAM QUEM TIVER QUE PRENDEREM E INDICIEM COMO CÚMPLICE QUEM REALMENTE É, POIS O QUE TEM DE "GENTINHA" DANDO COBERTURA A ESSE BANDIDO NÃO ESTÁ NO GIBI.
30 de Abril de 2009 00:35

O abuso das crianças do sertão do araripe é uma vergonha nacional, mas a vergonha maior é para Araripina, onde está o conselho tutelar? E o prefeito? E a polícia? E os Araripianos estão dormindo porque? Chega gente dê um basta nessa situação, é obrigação da polícia, investigar e correr atrás desse bandido, a esposa dele sabe onde ele está, pois foi ela mesma que levou as roupas dele, para ele fugir...
1 de Maio de 2009 19:12

Anônimo disse...
Fico surpreso com esses fatos embora eles já estejam virando uma moda, ainda que maldita, é preciso combater. Quem colocar os olhos nesse sujeito não se torne cúmplice denuncie. pois o que ele fez com várias crianças inclusive com a própria filha terá efeitos negativos amanhã, sem contar que ele pode abusar da minha filha e da sua também.Denuncie
1 de Maio de 2009 22:50
Anônimo disse...
Queremos justiça e não podemos mais fingir que não estamos vendo as coisas acontecerem, Nascente não pode ficar imóvel, digam não a pedófilia, digam não a esse bandido que dilacerou a vida de tantas pessoas, sejam solidários e denunciem qualquer informação a respeito desse sujeito.
2 de Maio de 2009 08:00


Geanilde disse...
Maria Célia e Carmem
Fico feliz que existam pessoas como vocês solidáios a nossa causa, sou mãe de uma dessas garotas, e além de lutar pelas nossas filhas precisamos lutar por outras que foram vítimas do mesmo agressor, porém os pais são fracos (covardes o suficiente) para não denuncia-lo pois usam a desculpa de não expor suas filhas, quando na verdade eles querem mesmo é não expor a proprietária da escola e não querem perder o quebra galho (bico) que fazem por lá, e infelismente acabam se tornando cúmplice de um bandido inescrupuloso que não teve consideração a ninguém , e assim na suaq santa ignorância esses pais estão privando suas filhas de terem um tratamento psicológico que mnimisaria o impacto desse acontecimento na vida delas para o futuro. O meu muitíssimo obrigado a Deus por vocês estarem nessa luta. Deus há de recompensá-las e há de ser feito justiça. Obrigada. Geanilde.
2 de Maio de 2009 08:11

Anônimo disse...
Nascente está virando palco de filmes de terror, onde ja se viu, crianças serem abusadas pelo próprio dono da escola onde estudavam e as autoridades não tomam nenhuma providência, o que estão esperando, a polícia de Araripina é mais lenta do que em qualquer lugar ppois um caso desses, já era pra ter sido resolvido, mas enquanto eles dormem os " os inocentes" tem seus encontros furtivos na c alada da noite e a esposinha, coitadinha, inocentinha,burriiiiiiiiiiiinha, precisa viajar constantemente para espairecer. Oh, céus ate quando? até quando???????????????????
2 de Maio de 2009 19:46

Anônimo disse...
Hoje fiquei sabendo que a esposinha, inocentinha, coitadinha está tão triste que necessita está em contato com o bandido inocentinho, depois de tê-lo escondido na casa de familiares. E a polícia? A polícia não está nem aí? Se estivesse ele também estaria atrás das grades. Fazer o que a polícia é cega, surda e burra...
3 de Maio de 2009 19:03

Anônimo disse...
DENUNCIAR EIS A QUESTÃO: MAS DO QUE ADIANTA? AS MÃES FORAM LÁ E DENUNCIARAM O ABUSO DAS FILHAS, PORÉM A POLÍCIA SE PREOCUPA MAIS EM COAGI-LAS DO QUE EM CAPTURAR O BANDIDO. o QUE ESTÁ ACONTECENDO PORQUE ALGUNS POLICIAIS DA CIVIL ESTÃO QUERENDO INVERTER O JOGO PRECIONANDO AS MÃES, qUE INTERESSES ROLAM POR BAIXO DOS PANOS. sERÁ GRAMA VERDINHA? COM CERTEZA.
3 de Maio de 2009 21:40

Anônimo disse...
Hoje foi que percebi esse espaço e fico feliz, porque vejo a luta desenreada das mães tentando, buscando, implorando,para que haja justiça a suas filhas e assisto ao descaso da polícia intrigado, quem já se vil tanta frieza da polícia num caso desses? É amigo isso é Araripina. Como já disseram antes essa é uma terra sem lei. E agora constatamos isso infelismente.
3 de Maio de 2009 21:54

Anônimo disse...
Em araripina acada dia surge um abuso sexual praticado por pessoas fora de suspeita, no entanto parece que estamos de mãos atadas,pois nada conseguimos fazer, pois infelismente a sociedade se comove diante do caso mas na hora da ação os pais ficam sosinhos e a pr´ppria polícia não tem feito bem a sua parte.
4 de Maio de 2009 19:21

Anônimo disse...
Precisamos mudar o rumo dos acontecimentos em Araripina, tá na hora de dá um basta nessa situação ridícula que já foi longe demais, cheeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeega! Prendam esse bandido.
4 de Maio de 2009 20:05

Anônimo disse...
mais um dia chega próximo ao seu final e alguns integrantes da polícia sabem onde o Jailson se encontra, porém estão protegendo-o. estranho não era o outro lado que devia sentir essa proteção?
5 de Maio de 2009 22:42

Anônimo disse...
Gostaria de ver a justiça sendo feita em casos como esse, essas crianças sofreram uma pressão psicológica muito grande e o indivíduo continua sorrindo por aí com se nada tivesse acontecido, é lamentável, mas a nossa esperança é o que nos mantém de pé, porque acreditamos que ainda existem pessoas comprometidas e que não se corromperá diante do dinheiro e dos bens materiais.
07 de maio de 2009

Anônimo disse...
A esperança vai sendo minada aos poucos e aí so nos resta a fé em Deus, que tem um, tempo pra tudo, pois a justiça humana é muito falha. Que pena alguns policiais se deixam corromper por tão pouco e o sentido da farda que vestem já se perdeu em meio a deslealdade e impunidade mas quem sabe de repente alguém se manifesta e um lapso de bom senso e justiça venha a fazer a diferença... Vamos aguardar, tem outro jeito?
12 de Maio de 2009 19:59

Anônimo disse...
Ser paciente eis a questão, enquanto somos passivos os bandidos escarnecem de nós... Jailson está escondido no terreno do patr~ao dele e a polícia não faz nada? Até quando teremos que esperar? que lei é essa que oprime inocentes e protege bandidos?
17 de Maio de 2009 18:48
link do postPor anjoseguerreiros, às 11:00  ver comentários (5) comentar

Em 2009 o Disque Denúncia já recebeu 464 denúncias; o caso de maior repercussão foi o da menina de Alagoinha
Nesta segunda-feira (18) é comemorado o Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual Contra Crianças e Adolescentes. Para lembrar a data, policiais civis da Gerência de Polícia da Criança e Adolescente (GPCA) realizarão, a partir das 7h30, uma panfletagem na Praça do Derby, no Recife. A ação será voltada para sensibilizar a população sobre a importância de denunciar os crimes sexuais praticados contra menores.
De acordo com a GPCA, os policiais entregarão materiais informativos contendo orientações sobre os locais e as maneiras de denunciar um ato criminoso. Na ocasião, os policiais também esclarecerão dúvidas da população sobre o tema, estimulando denúncias dos abusos sexuais.
De acordo com o Disque Denúncia, até 14 de maio de 2009, foram recebidas 464 denúncias de abuso sexual contra a criança e adolescente. Em 2008, foram 505 denúncias ligações denunciando esse tipo de violência. Naquele ano, 37% dos agressores tinham parentesco com a vítima e 78% das crianças e adolescentes que sofriam abuso eram meninas.
O caso de maior repercussão na opinião pública em 2009 foi o da menina de Alagoinha (foto), 9 anos, estuprada pelo padrasto.

Da Redação do pe360graus.com

MAS, NÓS QUEREMOS SABER: E O CASO DE ARAPIRINA?

Seis meninas, com idades entre 6 e 9 anos, relataram às mães terem sofrido abuso sexual na cidade de Araripina (PE), a 684 km de Recife, por pelo menos um ano. O acusado foi Jaílson Alves Bezerra, 38 anos, apicultor e ex-motorista do Programa de Erradicação do Trabalho Infantil em Araripina,marido da dona da escola onde as meninas estudavam
De acordo com a Delegacia que acompanha o caso, Lívia Pires, os crimes aconteciam na casa do acusado.Ele está com a prisão decretada, mas, segundo as autoridades locais, encontra-se foragido.Contudo, nós recebemos várias denúncias de que o criminoso está abrigado em casa de parentes ( veja os depoimentos abaixo)


Anônimo disse...
Em Arapina também foi preso um conselheiro tutelar que abusou de uma menina de anos, agora vem mais este caso profano e meu Deus crianças, escolas,filha, sobrinhas que jogo sujo. Araripianos tomem uma providência e rápido,no caminho que vai Araripina não vai ser a terra da Moleca sem vergonha, mais sim dos homens sem vergonha. Tá na hora da polícia acordar...
28 de Abril de 2009 20:20
Anônimo disse...
Esse caso esta tendo uma grande repercussão, por isso acredita-se que será feito justiça, precisamos é perder o medo e denunciar, so assim conseguiremos combater a pedofia, está no ECA, devemos denunciar mesmo quando há suspeitas e nesse caso parece que o sujeito foi longe mesmo.
28 de Abril de 2009 20:38



Anônimo disse...
´´E importante denunciar esse tipo de crime so assim conseguiremos vencer e dar um basta nesses agressores, parabéns,segurem firmes na mão de Deus porque como educadoras, mães e pessoasda comunidade fizeram a coisa certa. Deus as iluminem. Ãnimo Deus é mais.
28 de Abril de 2009 23:11

FAÇAM A COISA CERTA NÃO DEIXEM ESSE ABUSO SEXUAL CAIR NO ESQUECIMENTO, PARA NÃO DAR OUSADIA A OUTROS PILANTRAS,PRENDAM QUEM TIVER QUE PRENDEREM E INDICIEM COMO CÚMPLICE QUEM REALMENTE É, POIS O QUE TEM DE "GENTINHA" DANDO COBERTURA A ESSE BANDIDO NÃO ESTÁ NO GIBI.
30 de Abril de 2009 00:35

O abuso das crianças do sertão do araripe é uma vergonha nacional, mas a vergonha maior é para Araripina, onde está o conselho tutelar? E o prefeito? E a polícia? E os Araripianos estão dormindo porque? Chega gente dê um basta nessa situação, é obrigação da polícia, investigar e correr atrás desse bandido, a esposa dele sabe onde ele está, pois foi ela mesma que levou as roupas dele, para ele fugir...
1 de Maio de 2009 19:12

Anônimo disse...
Fico surpreso com esses fatos embora eles já estejam virando uma moda, ainda que maldita, é preciso combater. Quem colocar os olhos nesse sujeito não se torne cúmplice denuncie. pois o que ele fez com várias crianças inclusive com a própria filha terá efeitos negativos amanhã, sem contar que ele pode abusar da minha filha e da sua também.Denuncie
1 de Maio de 2009 22:50
Anônimo disse...
Queremos justiça e não podemos mais fingir que não estamos vendo as coisas acontecerem, Nascente não pode ficar imóvel, digam não a pedófilia, digam não a esse bandido que dilacerou a vida de tantas pessoas, sejam solidários e denunciem qualquer informação a respeito desse sujeito.
2 de Maio de 2009 08:00


Geanilde disse...
Maria Célia e Carmem
Fico feliz que existam pessoas como vocês solidáios a nossa causa, sou mãe de uma dessas garotas, e além de lutar pelas nossas filhas precisamos lutar por outras que foram vítimas do mesmo agressor, porém os pais são fracos (covardes o suficiente) para não denuncia-lo pois usam a desculpa de não expor suas filhas, quando na verdade eles querem mesmo é não expor a proprietária da escola e não querem perder o quebra galho (bico) que fazem por lá, e infelismente acabam se tornando cúmplice de um bandido inescrupuloso que não teve consideração a ninguém , e assim na suaq santa ignorância esses pais estão privando suas filhas de terem um tratamento psicológico que mnimisaria o impacto desse acontecimento na vida delas para o futuro. O meu muitíssimo obrigado a Deus por vocês estarem nessa luta. Deus há de recompensá-las e há de ser feito justiça. Obrigada. Geanilde.
2 de Maio de 2009 08:11

Anônimo disse...
Nascente está virando palco de filmes de terror, onde ja se viu, crianças serem abusadas pelo próprio dono da escola onde estudavam e as autoridades não tomam nenhuma providência, o que estão esperando, a polícia de Araripina é mais lenta do que em qualquer lugar ppois um caso desses, já era pra ter sido resolvido, mas enquanto eles dormem os " os inocentes" tem seus encontros furtivos na c alada da noite e a esposinha, coitadinha, inocentinha,burriiiiiiiiiiiinha, precisa viajar constantemente para espairecer. Oh, céus ate quando? até quando???????????????????
2 de Maio de 2009 19:46

Anônimo disse...
Hoje fiquei sabendo que a esposinha, inocentinha, coitadinha está tão triste que necessita está em contato com o bandido inocentinho, depois de tê-lo escondido na casa de familiares. E a polícia? A polícia não está nem aí? Se estivesse ele também estaria atrás das grades. Fazer o que a polícia é cega, surda e burra...
3 de Maio de 2009 19:03

Anônimo disse...
DENUNCIAR EIS A QUESTÃO: MAS DO QUE ADIANTA? AS MÃES FORAM LÁ E DENUNCIARAM O ABUSO DAS FILHAS, PORÉM A POLÍCIA SE PREOCUPA MAIS EM COAGI-LAS DO QUE EM CAPTURAR O BANDIDO. o QUE ESTÁ ACONTECENDO PORQUE ALGUNS POLICIAIS DA CIVIL ESTÃO QUERENDO INVERTER O JOGO PRECIONANDO AS MÃES, qUE INTERESSES ROLAM POR BAIXO DOS PANOS. sERÁ GRAMA VERDINHA? COM CERTEZA.
3 de Maio de 2009 21:40

Anônimo disse...
Hoje foi que percebi esse espaço e fico feliz, porque vejo a luta desenreada das mães tentando, buscando, implorando,para que haja justiça a suas filhas e assisto ao descaso da polícia intrigado, quem já se vil tanta frieza da polícia num caso desses? É amigo isso é Araripina. Como já disseram antes essa é uma terra sem lei. E agora constatamos isso infelismente.
3 de Maio de 2009 21:54

Anônimo disse...
Em araripina acada dia surge um abuso sexual praticado por pessoas fora de suspeita, no entanto parece que estamos de mãos atadas,pois nada conseguimos fazer, pois infelismente a sociedade se comove diante do caso mas na hora da ação os pais ficam sosinhos e a pr´ppria polícia não tem feito bem a sua parte.
4 de Maio de 2009 19:21

Anônimo disse...
Precisamos mudar o rumo dos acontecimentos em Araripina, tá na hora de dá um basta nessa situação ridícula que já foi longe demais, cheeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeega! Prendam esse bandido.
4 de Maio de 2009 20:05

Anônimo disse...
mais um dia chega próximo ao seu final e alguns integrantes da polícia sabem onde o Jailson se encontra, porém estão protegendo-o. estranho não era o outro lado que devia sentir essa proteção?
5 de Maio de 2009 22:42

Anônimo disse...
Gostaria de ver a justiça sendo feita em casos como esse, essas crianças sofreram uma pressão psicológica muito grande e o indivíduo continua sorrindo por aí com se nada tivesse acontecido, é lamentável, mas a nossa esperança é o que nos mantém de pé, porque acreditamos que ainda existem pessoas comprometidas e que não se corromperá diante do dinheiro e dos bens materiais.
07 de maio de 2009

Anônimo disse...
A esperança vai sendo minada aos poucos e aí so nos resta a fé em Deus, que tem um, tempo pra tudo, pois a justiça humana é muito falha. Que pena alguns policiais se deixam corromper por tão pouco e o sentido da farda que vestem já se perdeu em meio a deslealdade e impunidade mas quem sabe de repente alguém se manifesta e um lapso de bom senso e justiça venha a fazer a diferença... Vamos aguardar, tem outro jeito?
12 de Maio de 2009 19:59

Anônimo disse...
Ser paciente eis a questão, enquanto somos passivos os bandidos escarnecem de nós... Jailson está escondido no terreno do patr~ao dele e a polícia não faz nada? Até quando teremos que esperar? que lei é essa que oprime inocentes e protege bandidos?
17 de Maio de 2009 18:48
link do postPor anjoseguerreiros, às 11:00  ver comentários (2) comentar

Em 2009 o Disque Denúncia já recebeu 464 denúncias; o caso de maior repercussão foi o da menina de Alagoinha
Nesta segunda-feira (18) é comemorado o Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual Contra Crianças e Adolescentes. Para lembrar a data, policiais civis da Gerência de Polícia da Criança e Adolescente (GPCA) realizarão, a partir das 7h30, uma panfletagem na Praça do Derby, no Recife. A ação será voltada para sensibilizar a população sobre a importância de denunciar os crimes sexuais praticados contra menores.
De acordo com a GPCA, os policiais entregarão materiais informativos contendo orientações sobre os locais e as maneiras de denunciar um ato criminoso. Na ocasião, os policiais também esclarecerão dúvidas da população sobre o tema, estimulando denúncias dos abusos sexuais.
De acordo com o Disque Denúncia, até 14 de maio de 2009, foram recebidas 464 denúncias de abuso sexual contra a criança e adolescente. Em 2008, foram 505 denúncias ligações denunciando esse tipo de violência. Naquele ano, 37% dos agressores tinham parentesco com a vítima e 78% das crianças e adolescentes que sofriam abuso eram meninas.
O caso de maior repercussão na opinião pública em 2009 foi o da menina de Alagoinha (foto), 9 anos, estuprada pelo padrasto.

Da Redação do pe360graus.com

MAS, NÓS QUEREMOS SABER: E O CASO DE ARAPIRINA?

Seis meninas, com idades entre 6 e 9 anos, relataram às mães terem sofrido abuso sexual na cidade de Araripina (PE), a 684 km de Recife, por pelo menos um ano. O acusado foi Jaílson Alves Bezerra, 38 anos, apicultor e ex-motorista do Programa de Erradicação do Trabalho Infantil em Araripina,marido da dona da escola onde as meninas estudavam
De acordo com a Delegacia que acompanha o caso, Lívia Pires, os crimes aconteciam na casa do acusado.Ele está com a prisão decretada, mas, segundo as autoridades locais, encontra-se foragido.Contudo, nós recebemos várias denúncias de que o criminoso está abrigado em casa de parentes ( veja os depoimentos abaixo)


Anônimo disse...
Em Arapina também foi preso um conselheiro tutelar que abusou de uma menina de anos, agora vem mais este caso profano e meu Deus crianças, escolas,filha, sobrinhas que jogo sujo. Araripianos tomem uma providência e rápido,no caminho que vai Araripina não vai ser a terra da Moleca sem vergonha, mais sim dos homens sem vergonha. Tá na hora da polícia acordar...
28 de Abril de 2009 20:20
Anônimo disse...
Esse caso esta tendo uma grande repercussão, por isso acredita-se que será feito justiça, precisamos é perder o medo e denunciar, so assim conseguiremos combater a pedofia, está no ECA, devemos denunciar mesmo quando há suspeitas e nesse caso parece que o sujeito foi longe mesmo.
28 de Abril de 2009 20:38



Anônimo disse...
´´E importante denunciar esse tipo de crime so assim conseguiremos vencer e dar um basta nesses agressores, parabéns,segurem firmes na mão de Deus porque como educadoras, mães e pessoasda comunidade fizeram a coisa certa. Deus as iluminem. Ãnimo Deus é mais.
28 de Abril de 2009 23:11

FAÇAM A COISA CERTA NÃO DEIXEM ESSE ABUSO SEXUAL CAIR NO ESQUECIMENTO, PARA NÃO DAR OUSADIA A OUTROS PILANTRAS,PRENDAM QUEM TIVER QUE PRENDEREM E INDICIEM COMO CÚMPLICE QUEM REALMENTE É, POIS O QUE TEM DE "GENTINHA" DANDO COBERTURA A ESSE BANDIDO NÃO ESTÁ NO GIBI.
30 de Abril de 2009 00:35

O abuso das crianças do sertão do araripe é uma vergonha nacional, mas a vergonha maior é para Araripina, onde está o conselho tutelar? E o prefeito? E a polícia? E os Araripianos estão dormindo porque? Chega gente dê um basta nessa situação, é obrigação da polícia, investigar e correr atrás desse bandido, a esposa dele sabe onde ele está, pois foi ela mesma que levou as roupas dele, para ele fugir...
1 de Maio de 2009 19:12

Anônimo disse...
Fico surpreso com esses fatos embora eles já estejam virando uma moda, ainda que maldita, é preciso combater. Quem colocar os olhos nesse sujeito não se torne cúmplice denuncie. pois o que ele fez com várias crianças inclusive com a própria filha terá efeitos negativos amanhã, sem contar que ele pode abusar da minha filha e da sua também.Denuncie
1 de Maio de 2009 22:50
Anônimo disse...
Queremos justiça e não podemos mais fingir que não estamos vendo as coisas acontecerem, Nascente não pode ficar imóvel, digam não a pedófilia, digam não a esse bandido que dilacerou a vida de tantas pessoas, sejam solidários e denunciem qualquer informação a respeito desse sujeito.
2 de Maio de 2009 08:00


Geanilde disse...
Maria Célia e Carmem
Fico feliz que existam pessoas como vocês solidáios a nossa causa, sou mãe de uma dessas garotas, e além de lutar pelas nossas filhas precisamos lutar por outras que foram vítimas do mesmo agressor, porém os pais são fracos (covardes o suficiente) para não denuncia-lo pois usam a desculpa de não expor suas filhas, quando na verdade eles querem mesmo é não expor a proprietária da escola e não querem perder o quebra galho (bico) que fazem por lá, e infelismente acabam se tornando cúmplice de um bandido inescrupuloso que não teve consideração a ninguém , e assim na suaq santa ignorância esses pais estão privando suas filhas de terem um tratamento psicológico que mnimisaria o impacto desse acontecimento na vida delas para o futuro. O meu muitíssimo obrigado a Deus por vocês estarem nessa luta. Deus há de recompensá-las e há de ser feito justiça. Obrigada. Geanilde.
2 de Maio de 2009 08:11

Anônimo disse...
Nascente está virando palco de filmes de terror, onde ja se viu, crianças serem abusadas pelo próprio dono da escola onde estudavam e as autoridades não tomam nenhuma providência, o que estão esperando, a polícia de Araripina é mais lenta do que em qualquer lugar ppois um caso desses, já era pra ter sido resolvido, mas enquanto eles dormem os " os inocentes" tem seus encontros furtivos na c alada da noite e a esposinha, coitadinha, inocentinha,burriiiiiiiiiiiinha, precisa viajar constantemente para espairecer. Oh, céus ate quando? até quando???????????????????
2 de Maio de 2009 19:46

Anônimo disse...
Hoje fiquei sabendo que a esposinha, inocentinha, coitadinha está tão triste que necessita está em contato com o bandido inocentinho, depois de tê-lo escondido na casa de familiares. E a polícia? A polícia não está nem aí? Se estivesse ele também estaria atrás das grades. Fazer o que a polícia é cega, surda e burra...
3 de Maio de 2009 19:03

Anônimo disse...
DENUNCIAR EIS A QUESTÃO: MAS DO QUE ADIANTA? AS MÃES FORAM LÁ E DENUNCIARAM O ABUSO DAS FILHAS, PORÉM A POLÍCIA SE PREOCUPA MAIS EM COAGI-LAS DO QUE EM CAPTURAR O BANDIDO. o QUE ESTÁ ACONTECENDO PORQUE ALGUNS POLICIAIS DA CIVIL ESTÃO QUERENDO INVERTER O JOGO PRECIONANDO AS MÃES, qUE INTERESSES ROLAM POR BAIXO DOS PANOS. sERÁ GRAMA VERDINHA? COM CERTEZA.
3 de Maio de 2009 21:40

Anônimo disse...
Hoje foi que percebi esse espaço e fico feliz, porque vejo a luta desenreada das mães tentando, buscando, implorando,para que haja justiça a suas filhas e assisto ao descaso da polícia intrigado, quem já se vil tanta frieza da polícia num caso desses? É amigo isso é Araripina. Como já disseram antes essa é uma terra sem lei. E agora constatamos isso infelismente.
3 de Maio de 2009 21:54

Anônimo disse...
Em araripina acada dia surge um abuso sexual praticado por pessoas fora de suspeita, no entanto parece que estamos de mãos atadas,pois nada conseguimos fazer, pois infelismente a sociedade se comove diante do caso mas na hora da ação os pais ficam sosinhos e a pr´ppria polícia não tem feito bem a sua parte.
4 de Maio de 2009 19:21

Anônimo disse...
Precisamos mudar o rumo dos acontecimentos em Araripina, tá na hora de dá um basta nessa situação ridícula que já foi longe demais, cheeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeega! Prendam esse bandido.
4 de Maio de 2009 20:05

Anônimo disse...
mais um dia chega próximo ao seu final e alguns integrantes da polícia sabem onde o Jailson se encontra, porém estão protegendo-o. estranho não era o outro lado que devia sentir essa proteção?
5 de Maio de 2009 22:42

Anônimo disse...
Gostaria de ver a justiça sendo feita em casos como esse, essas crianças sofreram uma pressão psicológica muito grande e o indivíduo continua sorrindo por aí com se nada tivesse acontecido, é lamentável, mas a nossa esperança é o que nos mantém de pé, porque acreditamos que ainda existem pessoas comprometidas e que não se corromperá diante do dinheiro e dos bens materiais.
07 de maio de 2009

Anônimo disse...
A esperança vai sendo minada aos poucos e aí so nos resta a fé em Deus, que tem um, tempo pra tudo, pois a justiça humana é muito falha. Que pena alguns policiais se deixam corromper por tão pouco e o sentido da farda que vestem já se perdeu em meio a deslealdade e impunidade mas quem sabe de repente alguém se manifesta e um lapso de bom senso e justiça venha a fazer a diferença... Vamos aguardar, tem outro jeito?
12 de Maio de 2009 19:59

Anônimo disse...
Ser paciente eis a questão, enquanto somos passivos os bandidos escarnecem de nós... Jailson está escondido no terreno do patr~ao dele e a polícia não faz nada? Até quando teremos que esperar? que lei é essa que oprime inocentes e protege bandidos?
17 de Maio de 2009 18:48
link do postPor anjoseguerreiros, às 11:00  comentar

4.5.09

Recife - O juiz de Araripina, Ricardo da Silva Neto, decretou a prisão preventiva de um suspeito de 38 anos por abuso sexual de pelo menos cinco crianças com idade entre seis e nove anos. As meninas estudavam no colégio de propriedade de sua esposa, no distrito de Nascente, em Araripina, no sertão pernambucano, a 692 quilômetros do Recife. Ele está foragido há uma semana, depois de formalizada a primeira denúncia, pela mãe de uma das vítimas.
A conselheira tutelar de Araripina, Cícera de Carvalho, acompanhou ontem, no Recife, as cinco crianças cujas mães denunciaram abusos. Elas se submeteram a exame sexológico no Instituto de Medicina Legal (IML). Os exames apontarão se houve estupro ou atentado violento ao pudor. O resultado deve ficar pronto em 20 dias. As meninas também foram atendidas no Instituto Materno Infantil de Pernambuco (IMIP). Duas delas estavam com infecção na área genital.
A delegada de Araripina, Lívia Maria Callou, responsável pelo caso, acredita que o número de crianças abusadas pode ser muito maior. De acordo com ela, o suspeito usava sua filha adotiva, de 8 anos e também estudante da escola, para atrair as vítimas. As mães afirmaram acreditar na inocência da dona da escola, mulher do acusado, que disse desconhecer o fato.

Fonte: Arapirina.com
Vejam os comentários que foram deixados no blog:

Em Arapina também foi preso um conselheiro tutelar que abusou de uma menina de anos, agora vem mais este caso profano e meu Deus crianças, escolas,filha, sobrinhas que jogo sujo. Araripianos tomem uma providência e rápido,no caminho que vai Araripina não vai ser a terra da Moleca sem vergonha, mais sim dos homens sem vergonha. Tá na hora da polícia acordar...
28 de Abril de 2009 20:20

Esse caso esta tendo uma grande repercussão, por isso acredita-se que será feito justiça, precisamos é perder o medo e denunciar, so assim conseguiremos combater a pedofia, está no ECA, devemos denunciar mesmo quando há suspeitas e nesse caso parece que o sujeito foi longe mesmo.
28 de Abril de 2009 20:38

´´E importante denunciar esse tipo de crime so assim conseguiremos vencer e dar um basta nesses agressores, parabéns,segurem firmes na mão de Deus porque como educadoras, mães e pessoasda comunidade fizeram a coisa certa. Deus as iluminem. Ãnimo Deus é mais.
28 de Abril de 2009 23:11

FAÇAM A COISA CERTA NÃO DEIXEM ESSE ABUSO SEXUAL CAIR NO ESQUECIMENTO, PARA NÃO DAR OUSADIA A OUTROS PILANTRAS,PRENDAM QUEM TIVER QUE PRENDEREM E INDICIEM COMO CÚMPLICE QUEM REALMENTE É, POIS O QUE TEM DE "GENTINHA" DANDO COBERTURA A ESSE BANDIDO NÃO ESTÁ NO GIBI.
30 de Abril de 2009 11:29

O abuso das crianças do sertão do araripe é uma vergonha nacional, mas a vergonha maior é para Araripina, onde está o conselho tutelar? E o prefeito? E a polícia? E os Araripianos estão dormindo porque? Chega gente dê um basta nessa situação, é obrigação da polícia, investigar e correr atrás desse bandido, a esposa dele sabe onde ele está, pois foi ela mesma que levou as roupas dele, para ele fugir...
1 de Maio de 2009 19:12

MARIA CÉLIA E CARMEM , É ADMIRÁVEL VOSSAS POSTURAS, ESTÃO NA SOCIEDADE CONTRIBUINDO PARA SE FAZER JUSTIÇA A ESSA VERGONHA OCORRIDA EM ARARIPINA, CONTINUEM DIVULGANDO, ESPALHEM FOTOS DESSE BANDIDO, POIS A FAMÍLIA DELE, E A ESPOSA ESTA MOVENDO CÉUS E TERRAS PARA ESCONDER ESSE BANDIDO. ISSO NÃO É JUSTO, ELA NÃO DISSE QUE NÃO É CÚMPLICE?QUE NÃO QUER MAIS SABER DELE E PORQUE AJUDA ESCONDÊ-LO.
1 de Maio de 2009 19:39

Fico surpreso com esses fatos embora eles já estejam virando uma moda, ainda que maldita, é preciso combater. Quem colocar os olhos nesse sujeito não se torne cúmplice denuncie. pois o que ele fez com várias crianças inclusive com a própria filha terá efeitos negativos amanhã, sem contar que ele pode abusar da minha filha e da sua também.Denuncie
1 de Maio de 2009 22:50

Queremos justiça e não podemos mais fingir que não estamos vendo as coisas acontecerem, Nascente não pode ficar imóvel, digam não a pedófilia, digam não a esse bandido que dilacerou a vida de tantas pessoas, sejam solidários e denunciem qualquer informação a respeito desse sujeito.
2 de Maio de 2009 08:00


Maria Célia e Carmem
Fico feliz que existam pessoas como vocês solidáios a nossa causa, sou mãe de uma dessas garotas, e além de lutar pelas nossas filhas precisamos lutar por outras que foram vítimas do mesmo agressor, porém os pais são fracos (covardes o suficiente) para não denuncia-lo pois usam a desculpa de não expor suas filhas, quando na verdade eles querem mesmo é não expor a proprietária da escola e não querem perder o quebra galho (bico) que fazem por lá, e infelismente acabam se tornando cúmplice de um bandido inescrupuloso que não teve consideração a ninguém , e assim na suaq santa ignorância esses pais estão privando suas filhas de terem um tratamento psicológico que mnimisaria o impacto desse acontecimento na vida delas para o futuro. O meu muitíssimo obrigado a Deus por vocês estarem nessa luta. Deus há de recompensá-las e há de ser feito justiça. Obrigada. Geanilde.
2 de Maio de 2009 08:11

Nascente está virando palco de filmes de terror, onde ja se viu, crianças serem abusadas pelo próprio dono da escola onde estudavam e as autoridades não tomam nenhuma providência, o que estão esperando, a polícia de Araripina é mais lenta do que em qualquer lugar ppois um caso desses, já era pra ter sido resolvido, mas enquanto eles dormem os " os inocentes" tem seus encontros furtivos na c alada da noite e a esposinha, coitadinha, inocentinha,burriiiiiiiiiiiinha, precisa viajar constantemente para espairecer. Oh, céus ate quando? até quando???????????????????
2 de Maio de 2009 19:46


Hoje fiquei sabendo que a esposinha, inocentinha, coitadinha está tão triste que necessita está em contato com o bandido inocentinho, depois de tê-lo escondido na casa de familiares. E a polícia? A polícia não está nem aí? Se estivesse ele também estaria atrás das grades. Fazer o que a polícia é cega, surda e burra...
3 de Maio de 2009 19:03


DENUNCIAR EIS A QUESTÃO: MAS DO QUE ADIANTA? AS MÃES FORAM LÁ E DENUNCIARAM O ABUSO DAS FILHAS, PORÉM A POLÍCIA SE PREOCUPA MAIS EM COAGI-LAS DO QUE EM CAPTURAR O BANDIDO. o QUE ESTÁ ACONTECENDO PORQUE ALGUNS POLICIAIS DA CIVIL ESTÃO QUERENDO INVERTER O JOGO PRECIONANDO AS MÃES, qUE INTERESSES ROLAM POR BAIXO DOS PANOS. sERÁ GRAMA VERDINHA? COM CERTEZA.

Hoje foi que percebi esse espaço e fico feliz, porque vejo a luta desenreada das mães tentando, buscando, implorando,para que haja justiça a suas filhas e assisto ao descaso da polícia intrigado, quem já se vil tanta frieza da polícia num caso desses? É amigo isso é Araripina. Como já disseram antes essa é uma terra sem lei. E agora constatamos isso infelismente.
3 de Maio de 2009 21:54

Em araripina acada dia surge um abuso sexual praticado por pessoas fora de suspeita, no entanto parece que estamos de mãos atadas,pois nada conseguimos fazer, pois infelismente a sociedade se comove diante do caso mas na hora da ação os pais ficam sosinhos e a pr´ppria polícia não tem feito bem a sua parte.
4 de Maio de 2009 19:21

Precisamos mudar o rumo dos acontecimentos em Araripina, tá na hora de dá um basta nessa situação ridícula que já foi longe demais, cheeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeega! Prendam esse bandido.
4 de Maio de 2009 20:05

AJUDE-N0S A COMBATER A PEDOFILIA - DENUNCIE
link do postPor anjoseguerreiros, às 21:11  comentar


Recife - O juiz de Araripina, Ricardo da Silva Neto, decretou a prisão preventiva de um suspeito de 38 anos por abuso sexual de pelo menos cinco crianças com idade entre seis e nove anos. As meninas estudavam no colégio de propriedade de sua esposa, no distrito de Nascente, em Araripina, no sertão pernambucano, a 692 quilômetros do Recife. Ele está foragido há uma semana, depois de formalizada a primeira denúncia, pela mãe de uma das vítimas.
A conselheira tutelar de Araripina, Cícera de Carvalho, acompanhou ontem, no Recife, as cinco crianças cujas mães denunciaram abusos. Elas se submeteram a exame sexológico no Instituto de Medicina Legal (IML). Os exames apontarão se houve estupro ou atentado violento ao pudor. O resultado deve ficar pronto em 20 dias. As meninas também foram atendidas no Instituto Materno Infantil de Pernambuco (IMIP). Duas delas estavam com infecção na área genital.
A delegada de Araripina, Lívia Maria Callou, responsável pelo caso, acredita que o número de crianças abusadas pode ser muito maior. De acordo com ela, o suspeito usava sua filha adotiva, de 8 anos e também estudante da escola, para atrair as vítimas. As mães afirmaram acreditar na inocência da dona da escola, mulher do acusado, que disse desconhecer o fato.

Fonte: Arapirina.com
Vejam os comentários que foram deixados no blog:

Em Arapina também foi preso um conselheiro tutelar que abusou de uma menina de anos, agora vem mais este caso profano e meu Deus crianças, escolas,filha, sobrinhas que jogo sujo. Araripianos tomem uma providência e rápido,no caminho que vai Araripina não vai ser a terra da Moleca sem vergonha, mais sim dos homens sem vergonha. Tá na hora da polícia acordar...
28 de Abril de 2009 20:20

Esse caso esta tendo uma grande repercussão, por isso acredita-se que será feito justiça, precisamos é perder o medo e denunciar, so assim conseguiremos combater a pedofia, está no ECA, devemos denunciar mesmo quando há suspeitas e nesse caso parece que o sujeito foi longe mesmo.
28 de Abril de 2009 20:38

´´E importante denunciar esse tipo de crime so assim conseguiremos vencer e dar um basta nesses agressores, parabéns,segurem firmes na mão de Deus porque como educadoras, mães e pessoasda comunidade fizeram a coisa certa. Deus as iluminem. Ãnimo Deus é mais.
28 de Abril de 2009 23:11

FAÇAM A COISA CERTA NÃO DEIXEM ESSE ABUSO SEXUAL CAIR NO ESQUECIMENTO, PARA NÃO DAR OUSADIA A OUTROS PILANTRAS,PRENDAM QUEM TIVER QUE PRENDEREM E INDICIEM COMO CÚMPLICE QUEM REALMENTE É, POIS O QUE TEM DE "GENTINHA" DANDO COBERTURA A ESSE BANDIDO NÃO ESTÁ NO GIBI.
30 de Abril de 2009 11:29

O abuso das crianças do sertão do araripe é uma vergonha nacional, mas a vergonha maior é para Araripina, onde está o conselho tutelar? E o prefeito? E a polícia? E os Araripianos estão dormindo porque? Chega gente dê um basta nessa situação, é obrigação da polícia, investigar e correr atrás desse bandido, a esposa dele sabe onde ele está, pois foi ela mesma que levou as roupas dele, para ele fugir...
1 de Maio de 2009 19:12

MARIA CÉLIA E CARMEM , É ADMIRÁVEL VOSSAS POSTURAS, ESTÃO NA SOCIEDADE CONTRIBUINDO PARA SE FAZER JUSTIÇA A ESSA VERGONHA OCORRIDA EM ARARIPINA, CONTINUEM DIVULGANDO, ESPALHEM FOTOS DESSE BANDIDO, POIS A FAMÍLIA DELE, E A ESPOSA ESTA MOVENDO CÉUS E TERRAS PARA ESCONDER ESSE BANDIDO. ISSO NÃO É JUSTO, ELA NÃO DISSE QUE NÃO É CÚMPLICE?QUE NÃO QUER MAIS SABER DELE E PORQUE AJUDA ESCONDÊ-LO.
1 de Maio de 2009 19:39

Fico surpreso com esses fatos embora eles já estejam virando uma moda, ainda que maldita, é preciso combater. Quem colocar os olhos nesse sujeito não se torne cúmplice denuncie. pois o que ele fez com várias crianças inclusive com a própria filha terá efeitos negativos amanhã, sem contar que ele pode abusar da minha filha e da sua também.Denuncie
1 de Maio de 2009 22:50

Queremos justiça e não podemos mais fingir que não estamos vendo as coisas acontecerem, Nascente não pode ficar imóvel, digam não a pedófilia, digam não a esse bandido que dilacerou a vida de tantas pessoas, sejam solidários e denunciem qualquer informação a respeito desse sujeito.
2 de Maio de 2009 08:00


Maria Célia e Carmem
Fico feliz que existam pessoas como vocês solidáios a nossa causa, sou mãe de uma dessas garotas, e além de lutar pelas nossas filhas precisamos lutar por outras que foram vítimas do mesmo agressor, porém os pais são fracos (covardes o suficiente) para não denuncia-lo pois usam a desculpa de não expor suas filhas, quando na verdade eles querem mesmo é não expor a proprietária da escola e não querem perder o quebra galho (bico) que fazem por lá, e infelismente acabam se tornando cúmplice de um bandido inescrupuloso que não teve consideração a ninguém , e assim na suaq santa ignorância esses pais estão privando suas filhas de terem um tratamento psicológico que mnimisaria o impacto desse acontecimento na vida delas para o futuro. O meu muitíssimo obrigado a Deus por vocês estarem nessa luta. Deus há de recompensá-las e há de ser feito justiça. Obrigada. Geanilde.
2 de Maio de 2009 08:11

Nascente está virando palco de filmes de terror, onde ja se viu, crianças serem abusadas pelo próprio dono da escola onde estudavam e as autoridades não tomam nenhuma providência, o que estão esperando, a polícia de Araripina é mais lenta do que em qualquer lugar ppois um caso desses, já era pra ter sido resolvido, mas enquanto eles dormem os " os inocentes" tem seus encontros furtivos na c alada da noite e a esposinha, coitadinha, inocentinha,burriiiiiiiiiiiinha, precisa viajar constantemente para espairecer. Oh, céus ate quando? até quando???????????????????
2 de Maio de 2009 19:46


Hoje fiquei sabendo que a esposinha, inocentinha, coitadinha está tão triste que necessita está em contato com o bandido inocentinho, depois de tê-lo escondido na casa de familiares. E a polícia? A polícia não está nem aí? Se estivesse ele também estaria atrás das grades. Fazer o que a polícia é cega, surda e burra...
3 de Maio de 2009 19:03


DENUNCIAR EIS A QUESTÃO: MAS DO QUE ADIANTA? AS MÃES FORAM LÁ E DENUNCIARAM O ABUSO DAS FILHAS, PORÉM A POLÍCIA SE PREOCUPA MAIS EM COAGI-LAS DO QUE EM CAPTURAR O BANDIDO. o QUE ESTÁ ACONTECENDO PORQUE ALGUNS POLICIAIS DA CIVIL ESTÃO QUERENDO INVERTER O JOGO PRECIONANDO AS MÃES, qUE INTERESSES ROLAM POR BAIXO DOS PANOS. sERÁ GRAMA VERDINHA? COM CERTEZA.

Hoje foi que percebi esse espaço e fico feliz, porque vejo a luta desenreada das mães tentando, buscando, implorando,para que haja justiça a suas filhas e assisto ao descaso da polícia intrigado, quem já se vil tanta frieza da polícia num caso desses? É amigo isso é Araripina. Como já disseram antes essa é uma terra sem lei. E agora constatamos isso infelismente.
3 de Maio de 2009 21:54

Em araripina acada dia surge um abuso sexual praticado por pessoas fora de suspeita, no entanto parece que estamos de mãos atadas,pois nada conseguimos fazer, pois infelismente a sociedade se comove diante do caso mas na hora da ação os pais ficam sosinhos e a pr´ppria polícia não tem feito bem a sua parte.
4 de Maio de 2009 19:21

Precisamos mudar o rumo dos acontecimentos em Araripina, tá na hora de dá um basta nessa situação ridícula que já foi longe demais, cheeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeega! Prendam esse bandido.
4 de Maio de 2009 20:05

AJUDE-N0S A COMBATER A PEDOFILIA - DENUNCIE
link do postPor anjoseguerreiros, às 21:11  comentar


Recife - O juiz de Araripina, Ricardo da Silva Neto, decretou a prisão preventiva de um suspeito de 38 anos por abuso sexual de pelo menos cinco crianças com idade entre seis e nove anos. As meninas estudavam no colégio de propriedade de sua esposa, no distrito de Nascente, em Araripina, no sertão pernambucano, a 692 quilômetros do Recife. Ele está foragido há uma semana, depois de formalizada a primeira denúncia, pela mãe de uma das vítimas.
A conselheira tutelar de Araripina, Cícera de Carvalho, acompanhou ontem, no Recife, as cinco crianças cujas mães denunciaram abusos. Elas se submeteram a exame sexológico no Instituto de Medicina Legal (IML). Os exames apontarão se houve estupro ou atentado violento ao pudor. O resultado deve ficar pronto em 20 dias. As meninas também foram atendidas no Instituto Materno Infantil de Pernambuco (IMIP). Duas delas estavam com infecção na área genital.
A delegada de Araripina, Lívia Maria Callou, responsável pelo caso, acredita que o número de crianças abusadas pode ser muito maior. De acordo com ela, o suspeito usava sua filha adotiva, de 8 anos e também estudante da escola, para atrair as vítimas. As mães afirmaram acreditar na inocência da dona da escola, mulher do acusado, que disse desconhecer o fato.

Fonte: Arapirina.com
Vejam os comentários que foram deixados no blog:

Em Arapina também foi preso um conselheiro tutelar que abusou de uma menina de anos, agora vem mais este caso profano e meu Deus crianças, escolas,filha, sobrinhas que jogo sujo. Araripianos tomem uma providência e rápido,no caminho que vai Araripina não vai ser a terra da Moleca sem vergonha, mais sim dos homens sem vergonha. Tá na hora da polícia acordar...
28 de Abril de 2009 20:20

Esse caso esta tendo uma grande repercussão, por isso acredita-se que será feito justiça, precisamos é perder o medo e denunciar, so assim conseguiremos combater a pedofia, está no ECA, devemos denunciar mesmo quando há suspeitas e nesse caso parece que o sujeito foi longe mesmo.
28 de Abril de 2009 20:38

´´E importante denunciar esse tipo de crime so assim conseguiremos vencer e dar um basta nesses agressores, parabéns,segurem firmes na mão de Deus porque como educadoras, mães e pessoasda comunidade fizeram a coisa certa. Deus as iluminem. Ãnimo Deus é mais.
28 de Abril de 2009 23:11

FAÇAM A COISA CERTA NÃO DEIXEM ESSE ABUSO SEXUAL CAIR NO ESQUECIMENTO, PARA NÃO DAR OUSADIA A OUTROS PILANTRAS,PRENDAM QUEM TIVER QUE PRENDEREM E INDICIEM COMO CÚMPLICE QUEM REALMENTE É, POIS O QUE TEM DE "GENTINHA" DANDO COBERTURA A ESSE BANDIDO NÃO ESTÁ NO GIBI.
30 de Abril de 2009 11:29

O abuso das crianças do sertão do araripe é uma vergonha nacional, mas a vergonha maior é para Araripina, onde está o conselho tutelar? E o prefeito? E a polícia? E os Araripianos estão dormindo porque? Chega gente dê um basta nessa situação, é obrigação da polícia, investigar e correr atrás desse bandido, a esposa dele sabe onde ele está, pois foi ela mesma que levou as roupas dele, para ele fugir...
1 de Maio de 2009 19:12

MARIA CÉLIA E CARMEM , É ADMIRÁVEL VOSSAS POSTURAS, ESTÃO NA SOCIEDADE CONTRIBUINDO PARA SE FAZER JUSTIÇA A ESSA VERGONHA OCORRIDA EM ARARIPINA, CONTINUEM DIVULGANDO, ESPALHEM FOTOS DESSE BANDIDO, POIS A FAMÍLIA DELE, E A ESPOSA ESTA MOVENDO CÉUS E TERRAS PARA ESCONDER ESSE BANDIDO. ISSO NÃO É JUSTO, ELA NÃO DISSE QUE NÃO É CÚMPLICE?QUE NÃO QUER MAIS SABER DELE E PORQUE AJUDA ESCONDÊ-LO.
1 de Maio de 2009 19:39

Fico surpreso com esses fatos embora eles já estejam virando uma moda, ainda que maldita, é preciso combater. Quem colocar os olhos nesse sujeito não se torne cúmplice denuncie. pois o que ele fez com várias crianças inclusive com a própria filha terá efeitos negativos amanhã, sem contar que ele pode abusar da minha filha e da sua também.Denuncie
1 de Maio de 2009 22:50

Queremos justiça e não podemos mais fingir que não estamos vendo as coisas acontecerem, Nascente não pode ficar imóvel, digam não a pedófilia, digam não a esse bandido que dilacerou a vida de tantas pessoas, sejam solidários e denunciem qualquer informação a respeito desse sujeito.
2 de Maio de 2009 08:00


Maria Célia e Carmem
Fico feliz que existam pessoas como vocês solidáios a nossa causa, sou mãe de uma dessas garotas, e além de lutar pelas nossas filhas precisamos lutar por outras que foram vítimas do mesmo agressor, porém os pais são fracos (covardes o suficiente) para não denuncia-lo pois usam a desculpa de não expor suas filhas, quando na verdade eles querem mesmo é não expor a proprietária da escola e não querem perder o quebra galho (bico) que fazem por lá, e infelismente acabam se tornando cúmplice de um bandido inescrupuloso que não teve consideração a ninguém , e assim na suaq santa ignorância esses pais estão privando suas filhas de terem um tratamento psicológico que mnimisaria o impacto desse acontecimento na vida delas para o futuro. O meu muitíssimo obrigado a Deus por vocês estarem nessa luta. Deus há de recompensá-las e há de ser feito justiça. Obrigada. Geanilde.
2 de Maio de 2009 08:11

Nascente está virando palco de filmes de terror, onde ja se viu, crianças serem abusadas pelo próprio dono da escola onde estudavam e as autoridades não tomam nenhuma providência, o que estão esperando, a polícia de Araripina é mais lenta do que em qualquer lugar ppois um caso desses, já era pra ter sido resolvido, mas enquanto eles dormem os " os inocentes" tem seus encontros furtivos na c alada da noite e a esposinha, coitadinha, inocentinha,burriiiiiiiiiiiinha, precisa viajar constantemente para espairecer. Oh, céus ate quando? até quando???????????????????
2 de Maio de 2009 19:46


Hoje fiquei sabendo que a esposinha, inocentinha, coitadinha está tão triste que necessita está em contato com o bandido inocentinho, depois de tê-lo escondido na casa de familiares. E a polícia? A polícia não está nem aí? Se estivesse ele também estaria atrás das grades. Fazer o que a polícia é cega, surda e burra...
3 de Maio de 2009 19:03


DENUNCIAR EIS A QUESTÃO: MAS DO QUE ADIANTA? AS MÃES FORAM LÁ E DENUNCIARAM O ABUSO DAS FILHAS, PORÉM A POLÍCIA SE PREOCUPA MAIS EM COAGI-LAS DO QUE EM CAPTURAR O BANDIDO. o QUE ESTÁ ACONTECENDO PORQUE ALGUNS POLICIAIS DA CIVIL ESTÃO QUERENDO INVERTER O JOGO PRECIONANDO AS MÃES, qUE INTERESSES ROLAM POR BAIXO DOS PANOS. sERÁ GRAMA VERDINHA? COM CERTEZA.

Hoje foi que percebi esse espaço e fico feliz, porque vejo a luta desenreada das mães tentando, buscando, implorando,para que haja justiça a suas filhas e assisto ao descaso da polícia intrigado, quem já se vil tanta frieza da polícia num caso desses? É amigo isso é Araripina. Como já disseram antes essa é uma terra sem lei. E agora constatamos isso infelismente.
3 de Maio de 2009 21:54

Em araripina acada dia surge um abuso sexual praticado por pessoas fora de suspeita, no entanto parece que estamos de mãos atadas,pois nada conseguimos fazer, pois infelismente a sociedade se comove diante do caso mas na hora da ação os pais ficam sosinhos e a pr´ppria polícia não tem feito bem a sua parte.
4 de Maio de 2009 19:21

Precisamos mudar o rumo dos acontecimentos em Araripina, tá na hora de dá um basta nessa situação ridícula que já foi longe demais, cheeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeega! Prendam esse bandido.
4 de Maio de 2009 20:05

AJUDE-N0S A COMBATER A PEDOFILIA - DENUNCIE
link do postPor anjoseguerreiros, às 21:11  comentar


Recife - O juiz de Araripina, Ricardo da Silva Neto, decretou a prisão preventiva de um suspeito de 38 anos por abuso sexual de pelo menos cinco crianças com idade entre seis e nove anos. As meninas estudavam no colégio de propriedade de sua esposa, no distrito de Nascente, em Araripina, no sertão pernambucano, a 692 quilômetros do Recife. Ele está foragido há uma semana, depois de formalizada a primeira denúncia, pela mãe de uma das vítimas.
A conselheira tutelar de Araripina, Cícera de Carvalho, acompanhou ontem, no Recife, as cinco crianças cujas mães denunciaram abusos. Elas se submeteram a exame sexológico no Instituto de Medicina Legal (IML). Os exames apontarão se houve estupro ou atentado violento ao pudor. O resultado deve ficar pronto em 20 dias. As meninas também foram atendidas no Instituto Materno Infantil de Pernambuco (IMIP). Duas delas estavam com infecção na área genital.
A delegada de Araripina, Lívia Maria Callou, responsável pelo caso, acredita que o número de crianças abusadas pode ser muito maior. De acordo com ela, o suspeito usava sua filha adotiva, de 8 anos e também estudante da escola, para atrair as vítimas. As mães afirmaram acreditar na inocência da dona da escola, mulher do acusado, que disse desconhecer o fato.

Fonte: Arapirina.com
Vejam os comentários que foram deixados no blog:

Em Arapina também foi preso um conselheiro tutelar que abusou de uma menina de anos, agora vem mais este caso profano e meu Deus crianças, escolas,filha, sobrinhas que jogo sujo. Araripianos tomem uma providência e rápido,no caminho que vai Araripina não vai ser a terra da Moleca sem vergonha, mais sim dos homens sem vergonha. Tá na hora da polícia acordar...
28 de Abril de 2009 20:20

Esse caso esta tendo uma grande repercussão, por isso acredita-se que será feito justiça, precisamos é perder o medo e denunciar, so assim conseguiremos combater a pedofia, está no ECA, devemos denunciar mesmo quando há suspeitas e nesse caso parece que o sujeito foi longe mesmo.
28 de Abril de 2009 20:38

´´E importante denunciar esse tipo de crime so assim conseguiremos vencer e dar um basta nesses agressores, parabéns,segurem firmes na mão de Deus porque como educadoras, mães e pessoasda comunidade fizeram a coisa certa. Deus as iluminem. Ãnimo Deus é mais.
28 de Abril de 2009 23:11

FAÇAM A COISA CERTA NÃO DEIXEM ESSE ABUSO SEXUAL CAIR NO ESQUECIMENTO, PARA NÃO DAR OUSADIA A OUTROS PILANTRAS,PRENDAM QUEM TIVER QUE PRENDEREM E INDICIEM COMO CÚMPLICE QUEM REALMENTE É, POIS O QUE TEM DE "GENTINHA" DANDO COBERTURA A ESSE BANDIDO NÃO ESTÁ NO GIBI.
30 de Abril de 2009 11:29

O abuso das crianças do sertão do araripe é uma vergonha nacional, mas a vergonha maior é para Araripina, onde está o conselho tutelar? E o prefeito? E a polícia? E os Araripianos estão dormindo porque? Chega gente dê um basta nessa situação, é obrigação da polícia, investigar e correr atrás desse bandido, a esposa dele sabe onde ele está, pois foi ela mesma que levou as roupas dele, para ele fugir...
1 de Maio de 2009 19:12

MARIA CÉLIA E CARMEM , É ADMIRÁVEL VOSSAS POSTURAS, ESTÃO NA SOCIEDADE CONTRIBUINDO PARA SE FAZER JUSTIÇA A ESSA VERGONHA OCORRIDA EM ARARIPINA, CONTINUEM DIVULGANDO, ESPALHEM FOTOS DESSE BANDIDO, POIS A FAMÍLIA DELE, E A ESPOSA ESTA MOVENDO CÉUS E TERRAS PARA ESCONDER ESSE BANDIDO. ISSO NÃO É JUSTO, ELA NÃO DISSE QUE NÃO É CÚMPLICE?QUE NÃO QUER MAIS SABER DELE E PORQUE AJUDA ESCONDÊ-LO.
1 de Maio de 2009 19:39

Fico surpreso com esses fatos embora eles já estejam virando uma moda, ainda que maldita, é preciso combater. Quem colocar os olhos nesse sujeito não se torne cúmplice denuncie. pois o que ele fez com várias crianças inclusive com a própria filha terá efeitos negativos amanhã, sem contar que ele pode abusar da minha filha e da sua também.Denuncie
1 de Maio de 2009 22:50

Queremos justiça e não podemos mais fingir que não estamos vendo as coisas acontecerem, Nascente não pode ficar imóvel, digam não a pedófilia, digam não a esse bandido que dilacerou a vida de tantas pessoas, sejam solidários e denunciem qualquer informação a respeito desse sujeito.
2 de Maio de 2009 08:00


Maria Célia e Carmem
Fico feliz que existam pessoas como vocês solidáios a nossa causa, sou mãe de uma dessas garotas, e além de lutar pelas nossas filhas precisamos lutar por outras que foram vítimas do mesmo agressor, porém os pais são fracos (covardes o suficiente) para não denuncia-lo pois usam a desculpa de não expor suas filhas, quando na verdade eles querem mesmo é não expor a proprietária da escola e não querem perder o quebra galho (bico) que fazem por lá, e infelismente acabam se tornando cúmplice de um bandido inescrupuloso que não teve consideração a ninguém , e assim na suaq santa ignorância esses pais estão privando suas filhas de terem um tratamento psicológico que mnimisaria o impacto desse acontecimento na vida delas para o futuro. O meu muitíssimo obrigado a Deus por vocês estarem nessa luta. Deus há de recompensá-las e há de ser feito justiça. Obrigada. Geanilde.
2 de Maio de 2009 08:11

Nascente está virando palco de filmes de terror, onde ja se viu, crianças serem abusadas pelo próprio dono da escola onde estudavam e as autoridades não tomam nenhuma providência, o que estão esperando, a polícia de Araripina é mais lenta do que em qualquer lugar ppois um caso desses, já era pra ter sido resolvido, mas enquanto eles dormem os " os inocentes" tem seus encontros furtivos na c alada da noite e a esposinha, coitadinha, inocentinha,burriiiiiiiiiiiinha, precisa viajar constantemente para espairecer. Oh, céus ate quando? até quando???????????????????
2 de Maio de 2009 19:46


Hoje fiquei sabendo que a esposinha, inocentinha, coitadinha está tão triste que necessita está em contato com o bandido inocentinho, depois de tê-lo escondido na casa de familiares. E a polícia? A polícia não está nem aí? Se estivesse ele também estaria atrás das grades. Fazer o que a polícia é cega, surda e burra...
3 de Maio de 2009 19:03


DENUNCIAR EIS A QUESTÃO: MAS DO QUE ADIANTA? AS MÃES FORAM LÁ E DENUNCIARAM O ABUSO DAS FILHAS, PORÉM A POLÍCIA SE PREOCUPA MAIS EM COAGI-LAS DO QUE EM CAPTURAR O BANDIDO. o QUE ESTÁ ACONTECENDO PORQUE ALGUNS POLICIAIS DA CIVIL ESTÃO QUERENDO INVERTER O JOGO PRECIONANDO AS MÃES, qUE INTERESSES ROLAM POR BAIXO DOS PANOS. sERÁ GRAMA VERDINHA? COM CERTEZA.

Hoje foi que percebi esse espaço e fico feliz, porque vejo a luta desenreada das mães tentando, buscando, implorando,para que haja justiça a suas filhas e assisto ao descaso da polícia intrigado, quem já se vil tanta frieza da polícia num caso desses? É amigo isso é Araripina. Como já disseram antes essa é uma terra sem lei. E agora constatamos isso infelismente.
3 de Maio de 2009 21:54

Em araripina acada dia surge um abuso sexual praticado por pessoas fora de suspeita, no entanto parece que estamos de mãos atadas,pois nada conseguimos fazer, pois infelismente a sociedade se comove diante do caso mas na hora da ação os pais ficam sosinhos e a pr´ppria polícia não tem feito bem a sua parte.
4 de Maio de 2009 19:21

Precisamos mudar o rumo dos acontecimentos em Araripina, tá na hora de dá um basta nessa situação ridícula que já foi longe demais, cheeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeega! Prendam esse bandido.
4 de Maio de 2009 20:05

AJUDE-N0S A COMBATER A PEDOFILIA - DENUNCIE
link do postPor anjoseguerreiros, às 21:11  comentar


Recife - O juiz de Araripina, Ricardo da Silva Neto, decretou a prisão preventiva de um suspeito de 38 anos por abuso sexual de pelo menos cinco crianças com idade entre seis e nove anos. As meninas estudavam no colégio de propriedade de sua esposa, no distrito de Nascente, em Araripina, no sertão pernambucano, a 692 quilômetros do Recife. Ele está foragido há uma semana, depois de formalizada a primeira denúncia, pela mãe de uma das vítimas.
A conselheira tutelar de Araripina, Cícera de Carvalho, acompanhou ontem, no Recife, as cinco crianças cujas mães denunciaram abusos. Elas se submeteram a exame sexológico no Instituto de Medicina Legal (IML). Os exames apontarão se houve estupro ou atentado violento ao pudor. O resultado deve ficar pronto em 20 dias. As meninas também foram atendidas no Instituto Materno Infantil de Pernambuco (IMIP). Duas delas estavam com infecção na área genital.
A delegada de Araripina, Lívia Maria Callou, responsável pelo caso, acredita que o número de crianças abusadas pode ser muito maior. De acordo com ela, o suspeito usava sua filha adotiva, de 8 anos e também estudante da escola, para atrair as vítimas. As mães afirmaram acreditar na inocência da dona da escola, mulher do acusado, que disse desconhecer o fato.

Fonte: Arapirina.com
Vejam os comentários que foram deixados no blog:

Em Arapina também foi preso um conselheiro tutelar que abusou de uma menina de anos, agora vem mais este caso profano e meu Deus crianças, escolas,filha, sobrinhas que jogo sujo. Araripianos tomem uma providência e rápido,no caminho que vai Araripina não vai ser a terra da Moleca sem vergonha, mais sim dos homens sem vergonha. Tá na hora da polícia acordar...
28 de Abril de 2009 20:20

Esse caso esta tendo uma grande repercussão, por isso acredita-se que será feito justiça, precisamos é perder o medo e denunciar, so assim conseguiremos combater a pedofia, está no ECA, devemos denunciar mesmo quando há suspeitas e nesse caso parece que o sujeito foi longe mesmo.
28 de Abril de 2009 20:38

´´E importante denunciar esse tipo de crime so assim conseguiremos vencer e dar um basta nesses agressores, parabéns,segurem firmes na mão de Deus porque como educadoras, mães e pessoasda comunidade fizeram a coisa certa. Deus as iluminem. Ãnimo Deus é mais.
28 de Abril de 2009 23:11

FAÇAM A COISA CERTA NÃO DEIXEM ESSE ABUSO SEXUAL CAIR NO ESQUECIMENTO, PARA NÃO DAR OUSADIA A OUTROS PILANTRAS,PRENDAM QUEM TIVER QUE PRENDEREM E INDICIEM COMO CÚMPLICE QUEM REALMENTE É, POIS O QUE TEM DE "GENTINHA" DANDO COBERTURA A ESSE BANDIDO NÃO ESTÁ NO GIBI.
30 de Abril de 2009 11:29

O abuso das crianças do sertão do araripe é uma vergonha nacional, mas a vergonha maior é para Araripina, onde está o conselho tutelar? E o prefeito? E a polícia? E os Araripianos estão dormindo porque? Chega gente dê um basta nessa situação, é obrigação da polícia, investigar e correr atrás desse bandido, a esposa dele sabe onde ele está, pois foi ela mesma que levou as roupas dele, para ele fugir...
1 de Maio de 2009 19:12

MARIA CÉLIA E CARMEM , É ADMIRÁVEL VOSSAS POSTURAS, ESTÃO NA SOCIEDADE CONTRIBUINDO PARA SE FAZER JUSTIÇA A ESSA VERGONHA OCORRIDA EM ARARIPINA, CONTINUEM DIVULGANDO, ESPALHEM FOTOS DESSE BANDIDO, POIS A FAMÍLIA DELE, E A ESPOSA ESTA MOVENDO CÉUS E TERRAS PARA ESCONDER ESSE BANDIDO. ISSO NÃO É JUSTO, ELA NÃO DISSE QUE NÃO É CÚMPLICE?QUE NÃO QUER MAIS SABER DELE E PORQUE AJUDA ESCONDÊ-LO.
1 de Maio de 2009 19:39

Fico surpreso com esses fatos embora eles já estejam virando uma moda, ainda que maldita, é preciso combater. Quem colocar os olhos nesse sujeito não se torne cúmplice denuncie. pois o que ele fez com várias crianças inclusive com a própria filha terá efeitos negativos amanhã, sem contar que ele pode abusar da minha filha e da sua também.Denuncie
1 de Maio de 2009 22:50

Queremos justiça e não podemos mais fingir que não estamos vendo as coisas acontecerem, Nascente não pode ficar imóvel, digam não a pedófilia, digam não a esse bandido que dilacerou a vida de tantas pessoas, sejam solidários e denunciem qualquer informação a respeito desse sujeito.
2 de Maio de 2009 08:00


Maria Célia e Carmem
Fico feliz que existam pessoas como vocês solidáios a nossa causa, sou mãe de uma dessas garotas, e além de lutar pelas nossas filhas precisamos lutar por outras que foram vítimas do mesmo agressor, porém os pais são fracos (covardes o suficiente) para não denuncia-lo pois usam a desculpa de não expor suas filhas, quando na verdade eles querem mesmo é não expor a proprietária da escola e não querem perder o quebra galho (bico) que fazem por lá, e infelismente acabam se tornando cúmplice de um bandido inescrupuloso que não teve consideração a ninguém , e assim na suaq santa ignorância esses pais estão privando suas filhas de terem um tratamento psicológico que mnimisaria o impacto desse acontecimento na vida delas para o futuro. O meu muitíssimo obrigado a Deus por vocês estarem nessa luta. Deus há de recompensá-las e há de ser feito justiça. Obrigada. Geanilde.
2 de Maio de 2009 08:11

Nascente está virando palco de filmes de terror, onde ja se viu, crianças serem abusadas pelo próprio dono da escola onde estudavam e as autoridades não tomam nenhuma providência, o que estão esperando, a polícia de Araripina é mais lenta do que em qualquer lugar ppois um caso desses, já era pra ter sido resolvido, mas enquanto eles dormem os " os inocentes" tem seus encontros furtivos na c alada da noite e a esposinha, coitadinha, inocentinha,burriiiiiiiiiiiinha, precisa viajar constantemente para espairecer. Oh, céus ate quando? até quando???????????????????
2 de Maio de 2009 19:46


Hoje fiquei sabendo que a esposinha, inocentinha, coitadinha está tão triste que necessita está em contato com o bandido inocentinho, depois de tê-lo escondido na casa de familiares. E a polícia? A polícia não está nem aí? Se estivesse ele também estaria atrás das grades. Fazer o que a polícia é cega, surda e burra...
3 de Maio de 2009 19:03


DENUNCIAR EIS A QUESTÃO: MAS DO QUE ADIANTA? AS MÃES FORAM LÁ E DENUNCIARAM O ABUSO DAS FILHAS, PORÉM A POLÍCIA SE PREOCUPA MAIS EM COAGI-LAS DO QUE EM CAPTURAR O BANDIDO. o QUE ESTÁ ACONTECENDO PORQUE ALGUNS POLICIAIS DA CIVIL ESTÃO QUERENDO INVERTER O JOGO PRECIONANDO AS MÃES, qUE INTERESSES ROLAM POR BAIXO DOS PANOS. sERÁ GRAMA VERDINHA? COM CERTEZA.

Hoje foi que percebi esse espaço e fico feliz, porque vejo a luta desenreada das mães tentando, buscando, implorando,para que haja justiça a suas filhas e assisto ao descaso da polícia intrigado, quem já se vil tanta frieza da polícia num caso desses? É amigo isso é Araripina. Como já disseram antes essa é uma terra sem lei. E agora constatamos isso infelismente.
3 de Maio de 2009 21:54

Em araripina acada dia surge um abuso sexual praticado por pessoas fora de suspeita, no entanto parece que estamos de mãos atadas,pois nada conseguimos fazer, pois infelismente a sociedade se comove diante do caso mas na hora da ação os pais ficam sosinhos e a pr´ppria polícia não tem feito bem a sua parte.
4 de Maio de 2009 19:21

Precisamos mudar o rumo dos acontecimentos em Araripina, tá na hora de dá um basta nessa situação ridícula que já foi longe demais, cheeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeega! Prendam esse bandido.
4 de Maio de 2009 20:05

AJUDE-N0S A COMBATER A PEDOFILIA - DENUNCIE
link do postPor anjoseguerreiros, às 21:11  comentar


pesquisar
 
colaboradores: carmen e maria celia

Julho 2009
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4

5
6
7
8
9


21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


arquivos
visitas
blogs SAPO