notícias atuais sobre saúde, violência,justiça,cidadania,educação, cultura,direitos humanos,ecologia, variedades,comportamento
29.12.08
LANÇAMENTO PARA A CRIANÇADA!!!!!
SÃO PAULO - Sucuri engole um boi? Girafa deita para dormir? Elefante tem medo de rato? Nos oito anos de trabalho no Jardim Zoológico de São Paulo, o biólogo Guilherme Domenichelli ouve quase diariamente pelo menos uma dessas perguntas feitas pelos visitantes. Geralmente são as crianças que perguntam, mas essas dúvidas também passam pela cabeça de muitos adultos. Para matar a curiosidade do público que vai ao zôo - e também do público em geral que gosta de bichos - o biólogo decidiu reunir todas as respostas para essas questões num livro. Ele será lançado em São Paulo no dia 13 pela editora Panda e se chama Girafa tem Torcicolo?Desafio: teste seus conhecimentos sobre algumas curiosidades do mundo animal- Os visitantes, principalmente as crianças, sempre perguntam coisas curiosas sobre os animais. As pessoas nem sabem, mas algumas dessas dúvidas surgiram na Idade Média. Por exemplo, muita gente pergunta se a coruja traz azar. Isso começou na Idade Média quando as corujas eram mortas e pregadas na porta das casas para espantar os maus espíritos. No interior do país, ainda hoje existe a lenda de que se uma coruja pousar no telhado de casa e piar, alguém conhecido vai morrer - explica Domenichelli.Boa parte das respostas fazem parte de seu repertório como biólogo. Outras, foram pesquisadas, como a da coruja. O fato é que todas tem um tom divertido. Por exemplo, elefante tem medo de rato?- É claro que não. Isso virou uma lenda porque se dizia que o rato entrava na tromba do elefante ou roía seus cascos quando ele estava dormindo. Mas imagine de um animal que pesa toneladas vai ter medo de um ratinho - diverte-se Guilherme, que trabalha no setor de educação ambiental." O lobo só uiva para a lua cheia? Tem água na corcova do camelo? Coruja traz azar? Dúvidas como essas inspiraram livro de biólogo do zôo de SP "Aos 37 anos, o biólogo sempre teve paixão por animais e costumava anotar essas dúvidas e perguntas sobre os bichos desde criança. O livro é o resultado de boa parte dessas anotações. Guilherme trabalhou boa parte de sua vida como metalúrgico. Só aos 27 anos decidiu que iria transformar a paixão pelos animais em profissão. Fez faculdade, arrumou um estágio no departamento de Paleontologia da USP e depois conseguiu trabalho no zôo de São Bernardo. No ano 2000, ingressou no zôo de São Paulo, o maior da América Latina. Desde agosto Domenichelli começou a atuar em um novo campo: ele apresenta o quadro Passeio Animal, na TV Rá-Tim-Bum.Trabalhar no zôo de São Paulo deu a ele muito material para encher as 45 páginas do livro. Afinal são 3.500 animais de 400 espécies que todo ano são visitados por 1,5 milhão de pessoas. Só de alimentação, são 4 toneladas diárias, considerando carnes, frutas, vegetais. A Elefanta Terezita, por exemplo, devora 100 quilos de alimentos por dia, incluindo cana-de-açúcar, capim e frutas. Os quatro hipopótamos - 3 fêmeas e um macho - engolem 80 kg de alimento. O leão recebe 5 kg de carne. E, assim como os humanos, cada um tem sua particularidade em relação às refeições.- Temos um tigre aqui que é alérgico à carne de boi. Ele só come carne de ovelha. As iguanas comem frutas, mas adoram pétalas de rosa em suas refeições - explica o biólogo, que conhece um pouco das manhas de cada um deles.Ele lembra que, além da alimentação especial, muitos animais recebem treinamento especial para evitar o stress ou depressão, que podem ser causados por ócio no cativeiro. O alimento da onça, por exemplo, não vem cortado para que ela mesma se encarregue de fazê-lo. Há espaço para que elas saltem também. Os biólogos também costumam colocar papelão nas jaulas para que elas rasguem e se mantenham em atividade.- Costumo comparar esses estímulos que damos aos animais com uma criança em casa sem videogame. Quando digo isso, elas entendem bem o que significa ficar sem fazer nada o dia inteiro - diz o biólogo.E equipe do zoológico de São Paulo, que tem 10 biólogos e 5 veterinários, desenvolveu também o passeio noturno. Dois grupos de 35 pessoas são acompanhados todas as sextas-feiras para observar os animais à noite.E, a propósito, a sucuri não engole bois, embora consiga abrir muito o maxilar. A girafa pode deitar-se de lado para dormir, mas é um animal que dorme apenas 2h e, na maior parte do tempo, em pé mesmo. E ela tem torcicolo? A resposta, só no livro do biólogo ou no teste sobre as lendas do reino animal.
AS FÉRIAS CHEGARAM!
QUE TAL O LIVRO COMO UM BOM PASSATEMPO? E O PASSEIO NOTURNO....ÓTIMA OPÇÃO PRA TODOS!!!!

tags:
link do postPor anjoseguerreiros, às 21:52  comentar

pesquisar
 
colaboradores: carmen e maria celia

Dezembro 2008
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26



arquivos
visitas
blogs SAPO